Type

Data source

Date

Thumbnail

Search results

You search for brito and 19,747 records were found.

Processo de casamento de Miguel de Brito e Catarina da Conceição Pai do nubente: Joaquim José Pereira Mãe do nubente: Josefa Francisca Pai da nubente: Francisco Manuel da Palma Mãe da nubente: Felicidade Perpétua Palma
Processo de casamento de António Pedro de Brito e Jacinta Romana. Pai do nubente: Inácio José Mãe do nubente: Maria das Neves Pai da nubente: José Maria Janeiro Mãe da nubente: Antónia Romana
Inventariado: Manuel Cerqueira ou Manuel de Brito Cerqueira, casado com a inventariante, morador que foi na freguesia de Moreira, Monção, falecido em 6 de outubro de 1952; Inventariante: Elisa Isabel da Costa, a viúva, moradora na freguesia de Moreira, Monção.
Processo de casamento de José Maria de Brito e Antónia Carmelita Pascoalinha Pai do nubente: António José Maufrade Mãe do nubente: Joana Batista Pai da nubente: Francisco António Pascoalinho Mãe da nubente: Maria da Conceição
Autor: José de Brito Dias, morador na freguesia de Vila de Punhe, de Viana do Castelo Réus: Manuel Gonçalves Fernandes e mulher, da freguesia de Darque, de Viana do Castelo Objeto: acção cível por dívida da quantia de 2.520 réis.
Averbamentos: Casou com Maria da Conceição Escórcio de Brito, em 1923-07-25, reg. n.º 22. Enviuvou em 1970-01-31, em Porto Santo, reg. n.º 5. Faleceu em 1986-06-14, na freguesia e concelho do Porto Santo, reg. n.º 11.
Averbamentos: Casou com Manuel Escórcio de Brito, em 1923-07-25, na Repartição do Registo Civil do Porto Santo, reg. n.º 22. Faleceu em 1970-01-31, no Porto Santo, reg. n.º 5.
Pais do nubente: João de Castro Júnior; Maria Coelho de Meneses. Pais da nubente: João Pestana de Brito; Júlia Coelho de Meneses. Averbamento retirado do liv. n.º 9032: O nubente faleceu em 1908-12-09.
Pais do nubente: José António de Meneses; Emília da Silva. Pais da nubente: João Escórcio de Brito; Teolinda Júlia de Ornelas. Averbamento retirado do liv. n.º 9042: Dissolvido por óbito do cônjuge marido, em 1950-11-08, no Porto Santo.
Outras informações: Nota à margem: o cônjuge nasceu a 15.11.1829 e faleceu em 15.05.1908. Pais do nubente: João Escórcio de Brito; Marina (?) Coelho. Pais da nubente: Manuel Coelho de Meneses; Maria dos Santos.
Pais do nubente: José João Rodrigues; Luísa Antónia de Vasconcelos. Pais da nubente:João Pestana Escórcio de Brito; Júlia Escórcio. Averbamento retirado do liv. n.º 9040: Dissolvido por óbito do cônjuge marido, em 1962-06-19.
Outras informações: Nota à margem: o cônjuge nasceu a 16.03.1826 e faleceu em 04.04.1905. Pais do nubente: Duarte Teixeira de Vasconcelos; D. Maria Drumond. Pais da nubente: Francisco de Ornelas de Brito; D. Domingas dos Santos Drumond.
Outras informações: Nota à margem: a nubente nasceu a 16.04.1831 e faleceu em 25.08.1901. Pais do nubente: Luís Pestana de Brito; Ana Joaquina. Pais da nubente: Valentim Escórcio; Maria Drumond.
Outras informações: O nome do registado está escrito "Jozé". Avós paternos: Diogo de Ornelas Frazão e D. Joana Francisca de Carvalhal. Avós maternos: Antonio de Brito de Oliveira Bettencourt e D. Joana Rafaela Bonifacio Huevetrelim(?), natural de Tenerife.
Embargante: Maria do Carmo de Brito e Sousa, viúva, da freguesia de Fontão, do julgado de Viana do Castelo. Embargado: José Gomes Braque Lami, da cidade de Viana do Castelo.
Ação Ordinária requerida por Luis Filipe da Graça de Brito contra Caves Montenegro,Lda, e Diejorge- Sociedade Comercial Produtos Alimimentares Lda. Contem 1 processos apensos: Arresto repressivo, Requerente, Filipe Luis da Graça de Brito, Requeridos, Caves Montenegro, Lda
Ação de execução sob a forma de processo sumário requerida por João Fernandes da Silva contra Maria Amélia Silva Dias Brito. Contem 1 processos apensos: Reclamação de Creditos, 38/93, Exequente, João Fernandes da Silva, Executado, Maria Amélia Silva Dias Brito
Inventariado: Alberto Carlos de Brito Lima, casado com a inventariante, Presidente da Câmara Municipal de Arcos de Valdevez, morador que foi na Rua da Ponte, freguesia de S. Paio da Vila dos Arcos de Valdevez, falecido em 3 de março de 1909, sem testamento; Inventariante: Maria Angelina da Rocha Brito Aguiam, moradora na Rua da Ponte, freguesia de S. Paio da Vila dos Arcos de Valdevez. Filha: Maria da Purificação, de 18 meses.
Inventariado: José Manuel de Brito Cício, viúvo de Maria Amália de Barros Mimoso (Viscondessa de Macedo de Cavaleiros), morador que foi no Largo do Dr. Magalhães, da vila de Ponte de Lima, falecido em 8 de janeiro de 1918, com testamento; Inventariante: António de Brito Cício Calheiros, casado, sobrinhjo do inventariado, morador na Quinta da Fernandeira, freguesia de Calheiros, Ponte de Lima. Não houve filhos do matrimónio.
Inventariada: Maria Rosa Rodrigues de Brito, solteira, e mãe, Ana Maria Pereira, moradora que foi na freguesia de Seara, Ponte de Lima, a primeira falecida em 6 de abril de 1904 e a segunda falecida em 14 de abril de 1904, ambas sem testamento; Inventariante: António Rodrigues de Brito, pai da inventariada, morador na freguesia de Seara, Ponte de Lima. Filha da primeira inventariada: Maria, de 2 anos.
Inventariados: José Rodrigues de Brito e mulher Antónia Rodrigues, moradores que foram em Barro, freguesia de Eiras, Arcos de Valdevez, ele falecido em 29 de maio de 1894 e ela falecida em 31 de maio de 1894, ambos sem testamento; Inventariante: Rosa Rodrigues de Brito, filha dos inventariados, moradora em Barro, freguesia de Eiras, Arcos de Valdevez. Filhas: Rosa, Joaquina, Joana, Maria Rosa, Miquelina, Maria.
Natural da freguesia de São João da Ribeira, Ponte de Lima, filho de Rafael Gomes do Lago e de sua mulher Maria Gomes da Silva, naturais da freguesia de Santa Maria dos Anjos, Ponte de Lima; neto paterno de Francisco de Brito Malheiro e de sua mulher Catarina de Brito Calheiros, naturais de São Mamede de Arca, Ponte de Lima; neto materno de Maria Gonçalves e neto paterno de Domingos Gomes da Silva, naturais de Ponte de Lima.
Natural da freguesia de Santa Engrácia, Lisboa, filho de Domingos Lopes Gálea, natural de Rio Barba (?), e de sua mulher Maria de Brito, natural de Arcos de Valdevez; neto paterno de João Lopes Gálea e de sua mulher Catarina de Figueiroa; neto materno de Pedro de Miranda Côrte-Real e de sua mulher D. Isabel de Brito, naturais de Arcos de Valdevez e Ponte da Barca.
Fidalgo cavaleiro da Casa Real, filho de Heitor Mendes de Brito e Elvas, fidalgo cavaleiro da Casa Real, cavaleiro da Ordem de Cristo, e de sua mulher D. Joana de Castro; neto paterno de Francisco Mendes de Brito e de sua mulher D. Luísa de Elvas; neto materno de D. Manuel Pereira Coutinho e de sua mulher D. Antónia da Cunha de Menezes, todos naturais de Lisboa.
Natural da freguesia da Vitória, Porto, juiz de fora e dos órfãos de Barcelos, familiar do Santo Ofício, filho do bacharel Félix Moreira de Brito, natural de Leça da Palmeira, e de sua mulher D. Teresa Maria Boaventura, natural da freguesia de São Nicolau, Porto; neto paterno de Matias Moreira e de sua mulher Felícia de Brito, naturais de Leça da Palmeira; neto materno de Manuel de Sousa Dias e de sua mulher Jerónima de Seabra, naturais da freguesia de São Nicolau.
Natural da freguesia da Encarnação, Lisboa, filho de José António de Almeida e Brito, natural da freguesia do Sacramento, Lisboa, cavaleiro da Ordem de Cristo, e de sua mulher D. Brites de Sá e Menezes, natural da freguesia de São Cristóvão, Lisboa; neto paterno do capitão Manuel de Almeida e Brito, cavaleiro da Ordem de Cristo, e de sua mulher D. Teresa Maria; neto materno de António Pereira de Sá e de sua mulher D. Juliana Valentina da Fonseca.
Filho de Cristóvão de Brito Pereira, natural de Vila Viçosa, e de sua mulher D. Paula Maria de Menezes, natural de Santo António do Tojal; neto paterno de Fernão Rodrigues de Brito Pereira, natural de Vila Viçosa, e de sua mulher D. Lucrécia de Castro, natural de Lisboa; neto materno de António Correia Baharém e de sua mulher D. Antónia Maria de Vilhena, naturais de Santo António do Tojal.
Natural de Lisboa, filho de João Rebelo de Vasconcelos, cavaleiro fidalgo da Casa Real, cavaleiro da Ordem de Cristo, familiar do Santo Ofício, e de sua mulher D. Maria Teresa de Brito e Mendonça; neto paterno de António Rebelo de Vasconcelos, cavaleiro fidalgo da Casa Real, familiar do Santo Ofício, e de sua mulher D. Ana Maria de Castelo-Branco; neto materno de D. João de Lacueva e de sua mulher D. Paula Maria de Brito. Inquirição de genere, vita et moribus.
Fidalgo cavaleiro da Casa Real, filho de Francisco Dias Mendes de Brito, fidalgo cavaleiro da Casa Real, e de sua mulher D. Luísa de Elvas; neto paterno de Heitor Mendes de Brito, fidalgo cavaleiro da Casa Real, e de sua mulher D. Guiomar; neto materno de António Fernandes de Elvas e de sua mulher Helena Rodrigues, todos naturais de Lisboa, da freguesia da Madalena e da freguesia da Santíssima Trindade.
Fidalgo cavaleiro da Casa Real, filho de Heitor Mendes de Brito e Elvas, fidalgo cavaleiro da Casa Real, cavaleiro da Ordem de Cristo e de sua mulher D. Joana de Castro; neto paterno de Francisco Mendes de Brito e de sua mulher D. Luísa de Elvas; neto materno D. Manuel Pereira Coutinho e de sua mulher D. Antónia da Cunha de Menezes, todos naturais de Lisboa.
Natural da Sertã, filho de Gonçalo Rodrigues Caldeira Leitão de Brito Moniz, natural de Pedrógão Grande, onde é capitão-mor, e de sua mulher D. Maria Teresa Freire de Albuquerque, natural da Covilhã; neto paterno de Pedro Caldeira de Brito Leitão, natural de Pedrógão Grande, e de sua mulher D. Joana Maria da Costa Moniz, natural da Sertã; neto materno de Sebastião Freire de Albuquerque, natural da Covilhã, e de sua mulher D. Catarina de Azevedo Ricacho, natural de Idanha-a-Nova.
Terá sido uma encomenda da empresa do Porto A. M. Rocha Brito. Visível placa de publicidade com inscrição "Chrysler for 1936".
Outras informações: Pais do nubente: António de Melim de Brito; D. Maria de Vasconcelos. Pais da nubente: José do Espírito Santo e Ornelas; D. Maria Júlia.
Natural da quinta de Esparregosa, termo de Mértola, nomeado juiz de fora da província de Bardez, Estado da Índia, filho de João Camacho Guerreiro de Brito, capitão-mor de Mértola, e de sua mulher D. Violante Perpétua Máxima de Brito, moradores na quinta de Esparregosa, termo de Mértola; neto paterno de João Camacho Guerreiro de Brito e de sua mulher D. Isabel Varela, naturais do termo de Padrões; neto materno de Manuel de Mira de Brito e de sua mulher D. Francisca Nobre de Jesus, naturais do termo da Messejana.
Terá sido uma encomenda da empresa do Porto A. M. Rocha Brito. Visível placa de publicidade com inscrição "Atenção ao novo Chrysler Plymouth 1936".
Outras informações: Avós paternos: Luis Albuquerque Freitas e D. Antonia Clara Figueiroa. Avós maternos: Francisco de Brito de Atouguia e D. Luzia Francisca Spinola.
Outras informações: Avós paternos: Luis de Albuquerque e D. Antonia Clara de Figueiroa. Avós maternos: Francisco de Brito e Atouguia e D. Luzia Jozefa de Figueiroa Spinola.
Outras informações: Avós paternos: Luis de Albuquerque e Freitas e Antonia Clara de Figueiroa. Avós maternos: Francisco de Brito Bettencort e [...] e D. Luiza Jozefa de Figueiroa Spínola.
Processo de habilitação de genere de Jorge de Brito de Andrade, filho de Manuel de Andrade de Brito e de D. Joana de Azevedo, natural de Vila Viçosa, para se habilitar a prima tonsura e ordens menores. Contém: selo de chapa.
Proveniência: Bispado de Elvas Requisitória para se proceder a diligências "de genere" por parte do habilitando, para ser promovido a ordens menores e sacras. Contém as inquirições “de genere” e as certidões do casamento dos avós maternos e do batismo dos mesmos Naturalidade do habilitando: Veiros, freguesia Matriz Filiação: João Nunes Ramos, major, e Mariana Vitória Reixa de Brito Naturalidade do pai: Veiros, freguesia Matriz Naturalidade da mãe: Avis, freguesia de Nossa Senhora dos Barros Avós paternos: José Nunes Ramos e Maria Teresa Naturais: Borba, freguesia Matriz Avós maternos: Francisco Marques Reixa e Francisca Angélica Rosa Naturalidade do avô materno: Avis, freguesia de Nossa Senhora dos Barros Naturalidade da avó materna: Ervedal, freguesia de São Barnabé
Inventariada: Joana Rodrigues de Brito, solteira, moradora que foi na freguesia de Vila Mou, Viana do Castelo, falecida em 9 de fevereiro de 1870, com testamento. Inventariante: António Alves Farrula e mulher, Antónia Dias, moradores no lugar de Aldeia, freguesia de Vila Mou, Viana do Castelo. Herdeiros, os filhos de Domingos Alves Farrula e mulher: António Alves Farrula, casado com Antónia Dias (os declarantes); Maria Alves Farrula, solteira, maior; Rosa Alves Farrula, solteira, de 20 anos. Legatários: Maria Alves Farrula e sua irmãRosa Alves Farrula, solteiras; a afilhada Joana, maior, filha de Manuel Francisco Agra; a afilhada Josefa, maior, filha de Manuel Dantas da Rocha; Joana, maior de 14 anos e menor de 21 anos, filha de Manuel Pereira; as primas Rosa, Antónia e Isabel, solteiras, maiores, filhas de Bento Luís. Legatário do terço: António Alves Farrula, casado com Antónia Dias (os declarantes).
Inventariada: Rita Dias de Brito, viúva de Luís José Gonçalves Gaio, moradora que foi no lugar de do Pinheiro, freguesia de Couto, Arcos de Valdevez, falecida em 15 de julho de 1927, sem testamento; Inventariante: Artur José Gonçalves, solteiro, filho da inventariada, morador no lugar de do Pinheiro, freguesia de Couto, Arcos de Valdevez. Filhos: Emílio Gonçalves, casado, ausente em parte incerta no Brasil; Maria Gonçalves, viúva; José Gonçalves, casado com Maria de Barros Dias; Júlia Gonçalves, casada com Manuel José Torres; Gaspar Gonçalves, casado com Rosa Gonçalves, ele já falecido, com 3 filhos (Rita Gonçalves, de 13 anos; Maria Gonçalves, de 7 anos; Manuel Gonçalves Gaio, de 5 anos); Carolina Gonçalves, solteira, já falecida, com filhos (Maria da Purificação Gonçalves, solteira, de 18 anos; Pureza Gonçalves, de 15 anos); Artur José Gonçalves (o declarante), solteiro, de 36 anos.
Inventariada: Rosa Angélica de Brito, casada com o inventariante, moradora que foi em Mó da Lomba, freguesia de Guilhadeses, Arcos de Valdevez, falecida em 3 de fevereiro de 1872, sem testamento; Inventariante: Manuel José da Cunha Abreu, o viúvo, morador em Mó da Lomba, freguesia de Guilhadeses, Arcos de Valdevez. Filhos: João António da Cunha Abreu, solteiro, maior; Maria José de Abreu, casada com Sebastião Vítor de Barros, ela já falecida, com 2 filhos (José, de 10 anos; Rosalina, de 8 anos); Ana Maria de Abreu, solteira, maior; Maria Engrácia de Abreu, casada com António Soares, moradores em Britelo, Ponte da Barca; Emília Ana da Cunha Abreu, solteira, maior; Antónia Maria da Cunha Abreu, casada com Custódio José de Brtio; Mariana Angélica de Abreu, solteira, maior; José da Cunha Abreu, solteiro, de 19 anos; Rosa Angélica de Abreu, solteira, de 19 anos.
Processo de casamento de Alfredo César de Almeida Ataide Dória e D. Adelaide Eugénia de Brito Penedo Pai do nubente: António Henriques Dória Mãe do nubente: D. Ana Luísa de ALmeida Castro Ataide Dória Pai da nubente: Cândido Augusto Penedo Mãe da nubente: D.Mariana Angélica de Brito Godins
Castelo de Vide, Celorico da Beira, Flor da Rosa, Crato, Guarda, Ponte de Sor, Seda. Capitão Manuel Gomes da Ascensão, D. Maria Teresa da Rosa e Brito, D. Joana Baptista, doutor Manuel Leitão de Brito, Matias Vitoriano de Bastos Pimenta, D. Maria Martins, Catarina Vicente Tarouca. Treslado de escritura de dote em casamento datada de 27 de Abril de 1763.
Processo de casamento de João António Vidal da Gama e Isabel Francisca Eugénia Bocarro de Brito Lobo e Castro Pai do nubente: Joaquim António Vidal da Gama Mãe do nubente: Maria Augusta Pai da nubente: Francisco Augusto de Lemos Sousa e Castro Mãe da nubente: Isabel Francisca de Brito Lobo
Processo de casamento de Augusto Penedo de Castro e Sousa e D. Mariana Angélica de Brito Godins Pai do nubente: José penedo de Melo Dória Mãe do nubente: D. Maria Inês Pai da nubente: Mateus de Brito Godins Mãe da nubente: D. Carolina Henriqueta Toscano Rosado
Elvas. João Mendes do Rio, Rui de Brito do Rio e Abreu bailio de Acre, Lopo Mendes, Guiomar de Brito, Leonor Lopes, Diogo Lopes, Manuel Rio, Violante Borges, D. Joana da Ponte, Pedro Mendes, Margarida de Vasconcelos. Treslado do testamento da instituidora datado de 12 de Outubro de 1600 e do inventário dos bens vinculados com data de 23 de Dezembro de 1627.
Inventariado: José António de Sousa Castro e mulher, Antónia Luísa de Brito, morador que foi em Calvos, freguesia de Távora, Arcos de Valdevez; Inventariante: Cláudio José da Silva, casado, cunhado dos inventariados, morador em Casal, freguesia de Távora, Arcos de Valdevez. Filha: Maria Luísa de Brito
Processo de casamento de Francisco Augusto de Lemos Sousa e Catro e Isabel Francisca de Brito Lobo. Pai do nubente: António Januário e Castro Lemos Mãe do nubente: Maria Quitéria de Castro e Sousa Pai da nubente: José de Brito Lobo da Mota Mãe da nubente: Maria Joana de Sá Leitão
Inventariado: José Joaquim de Brito Madeira, viúvo de Silvéria da Costa, casado em segundas núpcias com Justina de Jesus, morador na Rua do Lagar dos Dízimos, na cidade de Évora O inventariado não fez testamento. Data de óbito: 1862-08-18 Cabeça de casal: Justina de Jesus Tutora da menor Sofia: Justina de Jesus Subtutor da menor Sofia: João Inácio Gomes Gato Tutor de Ana Jacinta: Presbítero Albino de Brito Arrais, tio da menor. Subtutor de Ana Jacinta: Padre Miguel António de Brito, tio da menor Filhos do 1º matrimónio: 1-Maria da Conceição, casada. 2- Francisco Pinto, de 22 anos. 3- Ana Jacinta Mendes, de 22 anos. Filhos do 2º matrimónio: 1-Sofia, de 6 anos de idade.
Natural da freguesia de São Nicolau, Lisboa, familiar do Santo Ofício, filho de Luís de Brito de Lacerda, batizado na freguesia de Santo Antão, Évora, a 26-08-1667, contador da Corte, contador e distribuidor dos resíduos, escrivão das capelas da Coroa, e de sua mulher D. Luísa Maria Justiniana, batizada na freguesia de Santos-o-Velho, Lisboa, a 22-01-1673; neto paterno de Manuel Jorge Horta, natural de Évora, proprietário do ofício de escrivão da água da prata, em Évora, e de sua mulher Margarida de Brito, natural da freguesia de Santo Antão, Évora (filha de Brás Correia de Brito, capitão-de-mar-e-guerra, que passou a capitão de couraças, guarda-roupa de D. João IV); neto materno de Paulo Gomes da Costa, natural de Miragaia, termo da cidade do Porto, e de sua mulher Antónia Maria de Leirós.
Proveniência: Arcebispado de Braga Assunto: Requisitória para se proceder a diligências "de genere" por parte do avô materno dos justificantes, para se ordenarem de ordens menores. Naturalidade dos justificantes: Braga Filiação: José Soares de Brito e Inês Madalena Lobo Maldonado Avós paternos: Teotónio Soares de Brito e Madalena Pereira do Lago Naturalidade do avô paterno: Valença do Minho Naturalidade da avó paterna: Baia (Brasil) Avós maternos: João Maldonado de Azevedo e Brites da Gama Lobo Naturalidade do avô materno: Terena Naturalidade da avó paterna: Olivença
Processo de casamento de Joaquim Perdigão de Brito e Ana Chaveiro Calhau Idade do noivo: 24 Naturalidade do noivo: São Bento do Mato (Évora) Filiação do noivo: António Jacinto de Brito, natural de São Bento do Mato (Évora) e de Margarida Maria Murteira, natural de Santa Sofia (Montemor-o-Novo) Profissão: Lavrador Idade da noiva: 22 Naturalidade da noiva: Santa Justa (Arraiolos) Filiação da noiva: Joaquim Inácio Calhau, natural de Igrejinha (Arraiolos) e de Maria Pires Chaveiro Calhau, natural de São Gregório (Arraiolos). Profissão: Doméstica
Inventariada: Maria Vitória de Abreu Brito, viúva de José António Marques Lobarinhos, moradora que foi na Casa do Castro, freguesia de Bela, Monção, falecida em 16 de outubro de 1863, com testamento. Inventariante: Luís José de Brito, solteiro, cunhado da inventariada, morador no lugar do Crasto, freguesia de Bela, Monção. Filhos: Joaquim José de Lobarinhos, padre; Tomásia Emília Lobarinhos, solteira, maior; António Júlio Lobarinhos, casado com Isabel Loureiro; Francisca Teresa Lobarinhos, solteira, maior; Ana Isabel Lobarinhos, solteira, de 24 anos; José Luís Lobarinhos, solteiro, de 21 anos. Não teve seguimento em virtude de os menores se terem antecipado.
Inventariados: José Narciso de Sousa e mulher, Eusébia Clara de Brito, moradores que foi na freguesia de Vila Fonche, Arcos de Valdevez, ele falecido em 5 de abril de 1868 e ela falecida em 6 de setembro de 1877, com testamento de mão comum; Inventariante: Francisco António Gonçalves, genro dos inventariados, morador na freguesia de Gondoriz, Arcos de Valdevez. Filhas: Joana Rosa, de 55 anos, viúva de Pedro José Soares, com 3 filhas (Antónia Soares, solteira, de 20 anos, moradora em Viana do Castelo; Maria Soares, solteira, de 17 anos, moaradora em Viana do Castelo; Teresa Maximina, de 16 anos); Rosa Maria de Brito, de 50 anos, casada com Francisco António Gonçalves.
Filho do capitão Pedro Ribeiro de Brito, natural de Ponte de Lima, e de sua mulher D. Maria Caetana da Cunha, natural da freguesia do Sacramento, Lisboa; neto paterno de Pedro Ribeiro, natural de Santa Vaia de Ruivoz, termo da Barca, morador em Ponte de Lima, e de sua mulher Cristina de Brito, natural de Ponte de Lima; neto materno de André Dias, natural da freguesia de Santa Ana (hoje Pena), Lisboa, e de sua mulher D. Francisca da Cunha, natural da freguesia dos Mártires, Lisboa.
Filho de Francisco da Rocha de Brito, batizado na freguesia de Santa Engrácia, escrivão da conservatória geral do tabaco, e de sua mulher D. Maria Ângela de Sousa, natural da mesma freguesia neto paterno de Pedro Ferreira da Rocha, natural de Monção, escrivão da conservatória geral do tabaco, moço da câmara de D. João IV, e de sua mulher D. Luísa de Brito do Amaral, natural de Santa Engrácia; neto materno do Dr. Manuel da Silveira, natural da freguesia de Santa Engrácia, e de sua mulher D. Catarina de Sousa, natural da mesma freguesia.
Batizado na freguesia de São Sebastião da Pedreira, Lisboa, filho de Francisco Xavier de Brito, batizado na freguesia de Santa Justa, Lisboa, e de sua mulher D. Teodósia Leonor da Maia, batizado na freguesia de São Julião, Lisboa; neto paterno de Gregório Gomes Coelho, batizado na freguesia de São Nicolau, Lisboa, e de sua mulher D. Josefa de Brito, batizado na freguesia de São Cristóvão, Lisboa; neto materno de Pedro da Maia Tleffs, natural da cidade de Lubeque, Alemanha, e de sua mulher D. Catarina Hus, batizado na freguesia de Santa Catarina do Monte Sinai, Lisboa.
Batizado na freguesia da Pena, Lisboa, fidalgo cavaleiro da Casa Real, guarda­marinha das fragatas da Coroa, filho de José Sanches de Brito, batizado em Alcabideche, fidalgo cavaleiro da Casa Real, cavaleiro da Ordem de Cristo e de sua mulher D. Luísa Margarida Leonor de Weinholtz, natural de Rendsburg; neto paterno de João da Costa de Brito, natural de Caparide e batizado em São Domingos de Rana, cavaleiro da Ordem de Cristo, coronel do mar, e de sua mulher D. Teresa Clara da Silva, batizado na freguesia do Sacramento, Lisboa; neto materno do coronel Frederico Jacob de Weinholtz e de sua mulher Maria Isabel Wederkop, natural de Rendsburg.
Batizado em Cascais, a 04.03.1695 e morador em Lisboa, soldado no regimento da armada, filho de João de Brito de Almeida, natural da Ameixoeira, tenente de cavalos, e de sua mulher D. Isabel Maria da Gama Lobo, natural de Santa Justa, Lisboa, e recebidos na freguesia de São Nicolau, Lisboa, a 12.05.1679; neto paterno de António de Brito de Almeida, natural da Ameixoeira, e de sua mulher D. Mécia Freire da Fonseca, natural de Moura; neto materno de Diogo Peres de Barbuda, natural da freguesia de São Lourenço, Lisboa, e de sua mulher D. Francisca Lobo de Pina Severim, natural de Santa Justa, Lisboa.
Natural da freguesia do Sacramento, Lisboa, capitão de infantaria no regimento de Estremoz, filho de José da Silva Tigre, batizado na freguesia de Nossa Senhora da Conceição Velha, Lisboa, tenente-coronel, e de sua mulher D. Teresa Maria de Brito, batizado na freguesia de São Nicolau, Lisboa; neto paterno de Domingos de Sousa e de sua mulher Isabel da Silva, natural de Santo Estêvão de Alfama, Lisboa; neto materno de António de Brito, natural de Santa Marinha de Perozelo, Arcos de Valdevez, Familiar do Santo Ofício, e de sua mulher Antónia Maria, batizado na freguesia do Alecrim, Lisboa.
Natural e morador na freguesia do Corpo Santo, Recife de Pernambuco, sacerdote, filho de Manuel Álvares de Brito, batizado na freguesia de São Pedro de Miragaia, bispado do Porto, e de sua mulher D. Serafina Álvares de Páscoa, batizada na freguesia de São Lourenço da Mata, bispado de Pernambuco; neto paterno de António Pires e de sua mulher Luísa de Brito, batizados na freguesia de Miragaia; neto materno de António Mendes, batizado na freguesia de Refoios, arcebispado de Braga, e de sua mulher Isabel Mendes, batizada na freguesia de Santo António do Cabo, Pernambuco.
Natural da freguesia de Santa Maria, Beja, e morador na cidade do Porto, filho do Dr. Tomás José de Brito e Sousa, natural da freguesia da Vitória, Porto, e de sua mulher D. Joaquina Tomásia de Oliveira, natural da freguesia de Santiago, Beja; neto paterno do Dr. Félix Moreira de Brito e de sua mulher D. Teresa Maria Ventura, naturais da freguesia da Vitória, Porto; neto materno do capitão António Antunes Rasquinho Velho e de sua mulher Mariana de Oliveira, naturais da freguesia de Santiago, Beja.
Natural de Alcabideche, Cascais, capitão-de-mar-e-guerra, filho de João da Costa de Brito, natural de São Domingos de Rana, Cascais, capitão-de-mar-e-guerra, cavaleiro da Ordem de Cristo, e de Teresa Clara de Jesus, natural da freguesia do Sacramento, Lisboa; neto paterno do coronel Álvaro Sanches de Brito, natural da freguesia da Pena, Lisboa, cavaleiro da Ordem de Cristo, e de Antónia Maria, natural de Manique, Alcabideche; neto materno de Domingos da Costa Leitão, natural da freguesia de São Priz, Braga, e de sua mulher Brázia da Silva, natural da freguesia de Santa Justa, Lisboa.
Batizado na Sé de Lisboa, filho de António de Alpoim e Brito Coelho, natural da freguesia da Madalena, Lisboa, e de sua mulher D. Maria Crispiniana Clara, batizada na Sé de Lisboa; neto paterno de João de Alpoim e Brito Coelho, natural da freguesia de Santa Justa, Lisboa, e de sua mulher D. Antónia Josefa de Lima, natural da freguesia da Madalena; neto materno de José Pereira de Araújo, natural de Santa Comba, termo de Ponte de Lima, e de sua mulher D. Francisca da Costa e Amorim, natural da freguesia de São Paulo, Lisboa.
Morador na sua quinta da Lamarosa, no campo de Coimbra, fidalgo cavaleiro da Casa Real, familiar do Santo Ofício, filho de Manuel José Soares de Brito, natural de Braga e morador na quinta da Lamarosa, e de sua mulher D. Isabel Mexia de Ávila e Abreu, natural da Lamarosa; neto paterno de José Soares de Brito, natural de Braga, e de sua mulher D. Inês Madalena Maldonado, natural de Évora; neto materno de Francisco Mexia de Ávila, natural de Olivença, e de sua mulher D. Leonor Joana da Gama e Abreu, natural de Elvas.
Natural de São Domingos de Rana, Cascais, e morador em Lisboa, capitão-de-mar-e-guerra das fragatas de Sua Majestade, filho de Álvaro Sanches de Brito, natural da freguesia de Santa Ana, Lisboa, e de Antónia Maria, natural de Alcabideche; neto paterno de Francisco de Brito Sanches, natural do Campo Grande, Lisboa, e de sua mulher D. Mariana da Silva, natural da freguesia de São José, Lisboa; neto materno de António Dias Delgado, natural de Alcabideche, e de sua mulher Grácia Rodrigues, natural de Cascais. Nota: contém esquemas genealógicos.
Natural da freguesia de Santa Maria de Fregim, concelho de Santa Cruz de Riba Tâmega, e morador na cidade do Porto, filho de Domingos Vieira de Castro, natural de Vila Boa de Quires, e de sua mulher Mariana Monteiro de Brito, natural da freguesia de São Nicolau, Porto; neto paterno de André Vieira de Castro e de sua mulher Maria de Sampaio, naturais de Vila Boa de Quires; neto materno de Domingos Monteiro de Oliveira, natural de Guizande, termo do Porto, e de sua mulher Francisca de Brito, natural da freguesia de São Nicolau, Porto.
Natural da freguesia de São Lourenço, Lisboa, tenente do regimento de cavalaria do Cais, filho do Dr. José Pereira de Brito, natural da Golegã, e de sua mulher D. Margarida Teresa Perpétua da Silveira; neto paterno do Dr. Francisco de Brito Vidigal, natural da freguesia de Nossa Senhora do Bispo, Montemor-o-Novo, e de sua mulher D. Ventura Maria, natural da Matriz de Tomar; neto materno do Dr. Francisco Martins de Oliveira, natural da freguesia de Nossa Senhora do Bispo, Montemor-o-Novo, e de sua mulher D. Maria Antónia da Silveira, natural da freguesia de Santa Justa, Lisboa.
Natural de Cochim, filho de Francisco de Brito de Almeida, natural de Lisboa, e de sua mulher D. Maria Carneiro, natural de Cochim; neto paterno de António de Almeida e de sua mulher Paula de Brito de Almada, naturais de Lisboa; neto materno de Tristão Vaz de Carvalho, natural de Arrifana de Santa Maria, Feira, e de sua mulher Isabel Travassos, natural de Lisboa. Nota: contém um atestado selado com as armas de frei António da Silva de Menezes, capitão e governador de Cochim.
Estado civil do nubente: viúvo de Mariana da Natividade de Brito Rivara, falecida em São Bartolomeu de Vila Viçosa Profissão: médico Naturalidade da nubente: Fronteira (Nossa Senhora da Atalaia) Filiação da nubente: Joaquim Manuel Namorado e Maria do Carmo de Brito Namorado Morada dos nubentes: Vila Viçosa (São Bartolomeu) Contém o requerimento dos nubentes pedindo licença para contraírem matrimónio, a declaração dos párocos sobre proclamas, impedimentos e examinação dos nubentes na doutrina cristã, a certidão de batismo da nubente, a certidão de óbito da cônjuge do nubente e o termo de conclusão do processo.
Contém: petição, inquirição de testemunhas, certidão de idade, dote, diversas escrituras, carta comprovativa de ordens, Breve em pergaminho do Papa Inocêncio XI, contém folha de rosto do processo de seu irmão Luís de Brito Pereira.
O habilitando era irmão de Diogo Soares de Brito e foi colegial do colégio dos moços do Coro da cidade de Évora. Constam as inquirições "de genere" do habilitando. O processo está incompleto.
Processo de casamento de Francisco Colaço Romano e D. Bárbara Emília Colaço de Brito Pai do nubente: José Inácio Romano Mãe do nubente: D. Bárbara Júlia Colaço Romana Pai da nubente: Capitão José Francisco Colaço Mãe da nubente: D. Maria Francisca
Breve de dispensa de luto a favor de Elzeario Coelho de Brito, para poder ser ordenado às Ordens Sagradas, no corrente ano de luto. Contém: Diligências do breve a favor do requerente; Comissão sobre a vida, costumes e aptidão do requerente; Inquirição às testemunhas.
Autos de troca e permuta de colações dos priorados da igreja Santiago de Montemor-o-novo e da matriz do Redondo, que fazem os padres, João Manuel de Brito, prior na vila Redondo e Vicente Borges da Silveira, prior da Igreja de Santiago de Montemor-o-Novo. Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta permuta.
Portalegre. Treslado de provisão régia de 12 de Junho de 1756 autorizando a transcrição e registo de três tombos antigos contendo documentação diversa relativa às capelas e morgados administrados por António de Torres Caldeira Leitão Manso e sua esposa D. Leonor Maria Xavier de Brito Vaz Freire.
Carta de Gil Vaz Curvo de Brito Cabreira para frei José de Santo Tomás, sobre as rendas de um quinhão que o Convento de Nossa Senhora da Luz tinha na Herdade da Faia, no termo de Arronches, da qual ele era senhorio.
Estado civil: solteiro Cargos, funções, actividades: lavrador Naturalidade: freguesia de Nossa Senhora da Assunção do Freixo, termo da vila de Évora Monte Morada: freguesia de Nossa Senhora da Assunção do Freixo, termo da vila de Évora Monte Pai: Bento Rodrigues Ramalho Mãe: Catarina de Brito
Inventariado: Narciso de Brito da Costa Lobo, casado com a inventariante, morador que foi em Senrela, freguesia de Badim, Monção, falecido em 3 de junho de 1868; Inventariante e tutora: Maria Joaquina de Sousa Lobato, a viúva, moradora em Senrela, freguesia de Badim, Monção. Filhos: Carolina Augusta, de 8 anos; Emília Rosa, de 5 anos; Maria dos Anjos, póstuma.
Inventariada: Quitéria Maria Soares de Brito, viúva, moradora que foi em Senrela, Badim, Monção, falecida em 8 de junho de 1839; Inventariante: Francisco Manuel Pereira, morador em Badim, Monção. Filhos: Manuel Joaquim, ausente; Francisco Manuel; António José Pereira; João António Pereira, ausente; Joaquina Rosa; José António Pereira; Maria Teresa; Mariana; Rosa Teresa; Luís Manuel, demente.
Relativo ao pedido feito por Maria da Conceição Brito e Rocha Vasconcelos para que lhe seja concedida licença para reconstruir dois trechos, um de 7 e outro de 4 metros, de um muro de sustentação e resguardo das terras de uma propriedade sua. Local: Margem esquerda do Regato de Cepa, freguesia de S. Salvador, concelho dos Arcos de Valdevez, distrito de Viana do Castelo
Inventariado: Adriano Augusto Rodrigues Pedreira de Brito, casado com a inventariante, morador que foi em Santa Maria Maior, Viana do Castelo, falecido em 20 de julho de 1947. Inventariante: Maria Ana Calado Rodrigues Majer, a viúva, moradora em Santa Maria Maior, Viana do Castelo.
Inventariada: Maria Joaquina de Sousa e Brito, moradora que foi em Requeijo, Bela, Monção; Inventariante: António Luís Pereira, o viúvo, morador em Requeijo, Bela, Monção. Filhos: Manuel Luís Pereira de 10 anos; Florinda Rosa Pereira, de 6 anos; Luís António Pereira, de 4 anos.
Inventariada: Maria dos Prazeres Lopes de Brito, casada com o inventariante, morador que foi no lugar de Penedinhos, freguesia de S. Tomé de Aguiã, Arcos de Valdevez, falecida em 30 de março de março de 1910, sem testamento; Inventariante: José Ribeiro Teixeira, o viúvo, morador em Penedinhosfreguesia de S. Tomé de Aguiã, Arcos de Valdevez. Filha: Custódia Teixeira, solteira, de 30 anos, demente.
Inventariada: Ana de Jesus de Brito, casada com o inventariante, moradora que foi na Rua dos Açouguesfreguesia de S. Paio, da vila de Arcos de Valdevez; Inventariante: Felix Francisco Antunes, o viúvo, morador na Rua dos Açougues, freguesia de S. Paio, da vila de Arcos de Valdevez. Filhos: Manuel, de 10 anos; Adelaide, de 6 anos; José, de 3 anos; Maria, de 5 meses.
Inventariada: Laura de Brito Lobo Lira, solteira, moradora que foi na Casa de Buenos Aires, freguesia de São Vicente de Távora, Arcos de Valdevez, falecida em 6 de agosto de 1868, sem testamento; Inventariante: João de Brito Lobo Lira, solteiro, maior, irmão da inventariada, morador na Casa de Buenos Aires, freguesia de São Vicente de Távora, Arcos de Valdevez. Herdeiros, os irmãos: João de Brito Lobo Lira (o declarante), solteiro, maior; Luís de Brito Lobo Lira, ausente em parte incerta; Maria Rita Lobo Lira (Viscondessa de Milhundos), casada que foi com o Visconde de Milhundos, já falecida, com filhos (José Pereira de Sá Sotomaior, casado com Emília Salgado de Sá Sotomaior, moradores em Valença; Angélica de Sá Sotomaior, solteira; Joaquina Pereira de Sá Sotomaior, solteira; Ana Casimira Pereira de Sá Sotomaior, casada com Francisco José Barbosa Lobo; António Pereira de Sá Sotomaior, casado com Júlia Augusta Coelho de Sá Sotomaior; Gregório Pereira de Sá Sotomaior, casado que foi com Emília Salgado Sotomaior, já falecido, com 2 filhos Emílio, de 9 anos; Maria Rita, de 8 anos).
Inventariada: Custódia de Sá Costa Brito, casada com o inventariante, moradora que foi em Ínsua, freguesia de Feitosa, Ponte de Lima, falecido em 3 de dezembro de 1915; Inventariante: Manuel Gomes Pinto, o viúvo, morador em Ínsua, freguesia de Feitosa, Ponte de Lima.
Inventariado: António Joaquim de Brito Dantas, casado com a inventariante, morador que foi em Choças, freguesia de Álvora, Arcos de Valdevez, falecido em 23 de julho de 1880, com testamento; Inventariante: Joaquina Barbosa, a viúva, moradora em Choças, freguesia de Álvora, Arcos de Valdevez. José, João, Rosa, Claudina, Maria
Inventariado: Silvestre António de Brito Dantas, casado com a inventariante, morador que foi na Casa dos Carris, freguesia de Aguiã, Arcos de Valdevez; Inventariante: Antónia Gonçalves, a viúva, moradora na Casa dos Carris, freguesia de Aguiã, Arcos de Valdevez. Filhos: Manuel Luís, Maria Casimira, Rosa joaquina, José Manuel.
Inventariado: Manuel Ventura Lopes de Brito, casado com a inventariante, morador que foi em Pogido, freguesia de Gondoriz, Arcos de Valdevez, falecido em 29 de abril de 1853, sem testamento; Inventariante: Maria Josefa Mendes Veloso, a viúva, moradora em Pogido, freguesia de Gondoriz, Arcos de Valdevez.
Testamento de mão comum de Maximiano José de Brito e sua mulher Casimira da Gama Ataíde, moradores na rua Direita dos Castelos, freguesia de São Pedro, da cidade de Évora. Fizeram uma ao outro testamenteiro do primeiro que falecer. O tabelião foi António de Figueiredo.
Inventariada: Maria Teresa de Brito Palhares, moradora que foi em Travassos, freguesia de Vale, Arcos de Valdevez, falecida em 5 de dezembro de 1877, sem testamento; Inventariante: António Xavier Palhares Nogueira Falcão, filho da inventariada, morador em Travassos, freguesia de Vale, Arcos de Valdevez. Filhos: Rosa, António Xavier, José António, Joaquina.
Inventariado: Manuel José Barreiros da Cunha e Brito, morador que foi na freguesia de Senharei, Arcos de Valdevez, falecido em 19 de agosto de 1894, com testamento; Inventariante: José Manuel de Sousa Sá, morador em Eidinho, freguesia de Senharei, Arcos de Valdevez.
Inventariado: António José de Brito e Sá, casado com a inventariante, morador que foi em Costa, freguesia de Gondoriz, Arcos de Valdevez; Inventariante: Otelinda Sidónia da Cunha, a viúva, moradora em Costa, freguesia de Gondoriz, Arcos de Valdevez. Filhos: Abílio, Narciso, Maria; Palmira, Josina.
Inventariada: Maria de Jesus de Brito, casada com o inventariante, moradora que foi em Porta do Rio, freguesia de Sabadim, Arcos de Valdevez; Inventariante: Ludovico da Costa, o viúvo, morador em Porta do Rio, freguesia de Sabadim, Arcos de Valdevez. Filhos: José Augusto, Júlia Augusta, Otelinda.
Inventariada: Maria Rita de Brito Lira Sá Sotomaior, Viscondessa de Milhundos, viúva, moradora que foi em Milhundos, freguesia de Souto, Arcos de Valdevez, falecida em 7 de agosto de 1885, sem testamento; Inventariante: Angélica Pereira de Sá Sotomaior, solteira, filha da inventariada, moradora em Milhundos, freguesia de Souto, Arcos de Valdevez. Filhos: José, Angélica, Joaquina, Ana, António, Gregório.