Type

Data source

Date

Thumbnail

Search results

You search for bento and 24,048 records were found.

A Confraria do Santíssimo Coração de Jesus era feminina, tinha sede no Mosteiro de Santa Maria de Semide, que pertencia à Ordem de São Bento.
A Confraria do Santo Nome de Jesus tinha sede no Mosteiro do Bom Jesus de Viseu, que pertencia à Ordem de São Bento.
A Confraria das Onze Mil Virgens era feminina, tinha sede no Mosteiro de Santa Maria de Semide, que pertencia à Ordem de São Bento.
O Mosteiro de São Pedro de Cete era masculino, e pertencia à Ordem de São Bento. Antes de 924, foi fundado no julgado de Aguiar de Sousa. Pertencia ao bispado do Porto. No fim do século XI, foi restaurado por Gonçalo Oveques, talvez por ocasião da introdução da Regra de São Bento e dos costumes cluniacenses. Entre 1121 e 1128, teve carta de couto concedida por D. Teresa. Entre o princípio do século XVI e 1551, foi governado por abades comendatários, sendo o último, frei Luís de Montoia, eremita de Santo Agostinho. Este obteve do papa a união do mosteiro com as suas rendas ao colégio da Graça de Coimbra, da mesma Ordem. Em 1551, foi anexado ao colégio de Nossa Senhora da Graça, de Coimbra, da Ordem dos Eremitas de Santo Agostinho, por D. João III, o qual fora fundado em 1543. Em 1613, os Eremitas de Santo Agostinho tomaram posse dele, quando morreu o último monge beneditino. Em Cete, ficaram apenas dois frades desta ordem encarregados da administração do domínio e da cura paroquial até 1834. Em 1834, no âmbito da "Reforma geral eclesiástica" empreendida pelo Ministro e Secretário de Estado, Joaquim António de Aguiar, executada pela Comissão da Reforma Geral do Clero (1833-1837), pelo Decreto de 30 de Maio, foram extintos todos os conventos, mosteiros, colégios, hospícios e casas de religiosos de todas as ordens religiosas, ficando as de religiosas, sujeitas aos respectivos bispos, até à morte da última freira, data do encerramento definitivo. Os bens foram incorporados nos Próprios da Fazenda Nacional.
Processo de Bento Maria Falcato, natural de Moura. Presbítero 1809.
Inventariado: Manoel Gonçalves Bento, de Pousadinhas; Inventariante: Antonia Domingues.
Inventariado: Antonio Lopes Bento, de Manteigas; Inventariante: Clara Ramos.
Registo n.º84/85/86/87/88/89/90 - f.212 Filho de: José António Bento e de Maria Amélia; Natural de: Felgar-Felgar-Torre de Moncorvo; Idade: 44 anos; Literacia: sabe escrever; Estado Civil: casado(a); Profissão: Jornaleiro; Destino: São Paulo - Brasil; Acompanhantes: sua mulher, Maria Emília Rego, com passaporte n.º85 e seus filhos: Maria de Jesus Bento de 21 anos, com passaporte n.º86; Maria Cândida Bento de 19 anos, com passaporte n.º87; António Cândido Bento de 16 anos, com passaporte n.º88; Francisco Bento de 12 anos com passaporte n.º89 e José António Bento de 12 anos, com passaporte n.º90.
Processo de Bento José Galvão, natural de Serpa, filho de Bento José Galvão e de Antónia Maria. Ordens menores 1795.
Processo de Bento José Galvão, natural de Moura, filho de Bento José GaIvão e de Antónia Maria. Ordens Menores 1802
Inventariado: José Soares Bento, Outeiro de Cima, fr. Dardavaz Inventariante: Horácio Soares Bento, Outeiro de Cima, fr. Dardavaz
Registo n.º94 - f.213 Filho de: Adolfo Aníbal Bento e de Maria Augusta Bento; Natural de: Felgar-Felgar-Torre de Moncorvo; Idade: 20 anos; Literacia: sabe escrever; Estado Civil: solteiro(a); Profissão: Jornaleiro; Destino: São Paulo - Brasil.
Registo n.º75/76/77/78 - f.449 Filho de: Caetano José Bento e de Ana Maria; Natural de: Ala-Ala-Macedo de Cavaleiros; Idade: 55 anos; Literacia: não sabe escrever; Estado Civil: Casado(a); Profissão: Agricultor; Destino: São Paulo - Brasil; Acompanhantes. suas filhas: Maria Frutuosa Bento de 22 anos, com passaporte n.º76; Delfina da Conceição Bento de 19 anos, com passaporte n.º77 e Ana Maria Bento de 14 anos, com passaporte n.º78.
Registo nº 26 Idade: 43 anos Filiação: Bento António / Felicidade Rosa Naturalidade: Peniche / Leiria Residência: Peniche / Leiria Destino: Manaús / Brasil
Registo de matricula de ciclomotor (Velocípede com motor). Nome: Augusto Bento da Costa Braz Matricula n.º: 1-CTC-04-20
Carta. Nomeação de Comendador honorário da Ordem de S. Bento de Avis, concedendo-lhe faculdade para usar a respectiva insígnia.
Sinistrado: Bento Quaresma Responsável: Bartolomeu Rodrigues
Sinistrado: Bento Correia Responsável: Anibal Martins Frade
Sinistrado: José Bento Responsável: Mason And Barry
Sinistrado: Bento Estrelo Responsável: António Mestre
O Mosteiro do Salvador de Vila Cova das Donas ou de Sandim era feminino, pertencia à Ordem de São Bento e estava sob jurisdição diocesana. No século XI, foi fundado. A primeira menção documentada segura, data de 1081. Pouco antes de 1154, adoptou a Regra de São Bento, tornando-se mosteiro feminino. Em 1535, as monjas foram transferidas para o Mosteiro de São Bento da Avé-Maria do Porto.
Treslado de verba do inventário por morte de Estêvão Manuel de Pina Pereira e Moscoso feito a requerimento do filho, com o mesmo nome, numa causa que movia contra o doutor João Pedro de Carvalho Boubon e Vasconcelos, relativa à Quinta de S. Bento
Registo n.º888 - f.19 Filho de: Martinho Bento e de Ana de Jesus; Natural: Mirandela-Mirandela-Mirandela; Idade: 46 anos; Literacia: sabe escrever; Estado Civil: solteiro(a); Profissão: Negociante; Destino: Santos - Brasil. Observações: registo com fotografia do portador/acompanhantes e n.º de bilhete de identidade do portador do registo.
Certidão da escritura de compra da quinta denominada de Frei Bento, foreira ao convento de Santo António em 1.200 reis anuais, que fez Jerónimo Leitão a José Semião Rosado e sua mulher, Ana Joaquina, por preço de 192.000 reis. Treslado do original datado de 20 de abril de 1826.
Com casa do povo na rua de São Bento, freguesia de Santa Catarina. Trespassa a João Garcia e José António de Buiça a casa do povo, em que vive. Tem reconhecimento da assinatura. Tem no canto superior direito o n.º "4".
Idade: 20 anos Crime/Acusação: dizer que dormir com uma mulher corrupta não era pecado mortal, mas venial Cargos, funções, actividades: aprendiz de barbeiro Morada: freguesia de S. Roque, Lisboa Estado civil: casado Sem sentença."Estas culpas parecem bastantes para por elas ser preso Bento Fernandes e examinado quid sentir de simples fornicacione ut ex examinatione ...]" Processo incompleto.
Requerimento da aluna interna Lisabeth Vargas Bento, dirigido ao Inspetor do Conservatório Nacional, pretendendo matricular-se nos 2º ano de Solfejo. O processo contém ainda requerimentos subsequentes relativos aos restantes anos escolares do Curso Geral de Piano. O último documento é relativo à matrícula no 2º ano de Solfejo e 1º e 2º anos de Piano. O processo contém ainda o bilhete de matrícula do aluno.
Outras formas do nome: Bento de Jesus Estatuto social: preto forro Idade: 63 anos Crime/Acusação: fingimentos de visões e revelações Cargos, funções, actividades: irmão da Ordem Terceira de São Francisco Naturalidade: ilha de Santiago, Cabo Verde Morada: Lisboa Pai: Gaspar Rodrigues Mãe: Clara Nunes Estado civil: casado Cônjuge: Domingas Gonçalves Data da prisão: 12/10/1646 Sentença: auto-da-fé de 15/12/1647. Excomunhão maior, confisco de bens, relaxado à justiça secular. Contém o manuscrito da revelação do réu.
Treslado de escritura de renovação de prazo e novo emprazamento que fazem as religiosas do convento de Santa Clara a Manuel José Leite e sua mulher, Ana Maria Boroa, de uma fazenda de vinha, pomar e souto no sítio de S. Bento, pelo foro de 5.200 réis anuais e uma galinha e uma canasta de ginjas de propinas. Original de 13 de dezembro de 1764.
Vista exterior da Estação Ferroviária de São Bento no Porto, do edifício da caixa de Crédito, da igreja dos Congregados e da Rua Sá da Bandeira.
Pai: Bento Gonçalves; Mãe: Teresa de Jesus; Avô paterno: Francisco André Bezugo; Avó paterna: Luiza Maria Peixinho; Avô materno: António Gonçalbes Vilão Rico; Avó materna: Eufrazia Maria
Pai: João Bernardo; Mãe: Maurícia Emília; Avô paterno: João Bernardo; Avó paterna: Maria Rosa da Apresentação; Avô materno: Bento Rodrigues da Graça; Avó materna: Ana Emília
Nome do falecido: Bento (exposto) Idade: 8 meses, Batizado em Santo Antão, Évora Estado Civil: Filho de: Filhos: Testamento: Pároco Beneficiado: Miguel Gaspar dos Santos
Registo nº 342 Idade: 27anos Filiação: Bento Pereira Gamito / Maria Joaquina Naturalidade: Caranguejeira / Leiria Residência: Gândara dos Olivais / Marrazes / Leiria Destino: Lourenço Marques / África
Registo nº 17 Idade: 40 anos Filiação: Bento Gomes / Constância do Nascimento Naturalidade: São Martinho do Porto / Alcobaça Residência: São Martinho do Porto / Alcobaça Destino: Beira / África
Registo nº 146 Idade: 32 anos Filiação: Bento Pereira Gamito / Maria Joaquina Naturalidade: Opea / Caranguejeira / Leiria Residência: Outeiros / Marrazes / Leiria Destino: Pará / Brasil
Registo nº 267 Idade: 35 anos Filiação: Bento Gomes / Constança Rosa Naturalidade: São Martinho do Porto / Alcobaça Residência: São Martinho do Porto / Alcobaça Destino: Beira / África Ocidental
Carta de Padrão. Tença de 12$000 rs num dos Almoxarifados do Reino a Título do Hábito da Ordem de S. Bento de Aviz.
Inventariado: José Bento, Vila Cortês do Mondego; Inventariante: Antonio Bento, Vila Cortês do Mondego. Está apenso ao inventário por óbito Maria de Jesus, 1909.
Inventariante: Rosa Correa, Fornos Inventariado: José Bento, Fornos Tem apenso inventário por óbito de Anna Josefa, 1857-01-07 Tem apenso inventário por óbito de Manoel Bento, 1848-03-30
Registo de batismo de Bento Filiação: Pai - António Bernardo Mãe - Victória da Encarnação Neto Paterno:Alexandre Rodrigues e Maria das Candeias Neto Materno:Bonifácio dos Ramos e Antónia Victória Padrinhos:José Bento (jornaleiro) e tocou com a prenda de Nossa Senhora da Encarnação, Anastácio José (ganadeiro) O Pároco de Vidigão: Jerónimo de Oliveira Freire
O Mosteiro de São Martinho de Cucujães era masculino, pertencia à Ordem e à Congregação de São Bento. No fim do século XI ou princípio do seguinte, foi fundado. O primeiro documento conhecido data de 1139. Também designado por Convento de São Martinho do Couto de Cucujães. Só em 1588, se integrou compulsivamente na Congregação de São Bento de Portugal, pois o seu abade comendatário ainda vivia nesta data. Foi este abade que renunciou aos rendimentos da mesa abacial a favor das monjas do Mosteiro de São Bento da Avé-Maria do Porto, com as quais a Congregação teve de chegar a acordo em 1596, que ficaram com dois terços de tais rendimentos. Era um dos mosteiros mais modestos da Congregação, pois só podia sustentar entre quatro a seis ou sete monges. Em 1834, no âmbito da "Reforma geral eclesiástica" empreendida pelo Ministro e Secretário de Estado, Joaquim António de Aguiar, executada pela Comissão da Reforma Geral do Clero (1833-1837), pelo Decreto de 30 de Maio, foram extintos todos os conventos, mosteiros, colégios, hospícios e casas de religiosos de todas as ordens religiosas, ficando as de religiosas, sujeitas aos respectivos bispos, até à morte da última freira, data do encerramento definitivo. Os bens foram incorporados nos Próprios da Fazenda Nacional.
Registo n.º2091 - f.121 Filho de: José Bento e de Ana Maria; Natural de: Ala-Ala-Macedo de Cavaleiros; Idade: 44 anos; Literacia: Não sabe escrever; Est. Civil: casado(a); Profissão: Agricultor(a); Destino: Brasil. Acompanhantes: Eugénia de Jesus; Esposa; 33 anos - Guilhermina do Espírito Santo; Filho(a); 19 anos - Maria Imperatriz; Filho(a); 17 anos - Regina da Conceição; Filho(a); 14 anos - José Maria; Filho(a); 11 anos - Maria Frutuoso; Filho(a); 8 anos - Delfina Cândida; Filho(a); 5 anos - Abílio da Ressurreição; Filho(a); 2 anos - Ana Maria; Filho(a); 2 meses.
Estatuto social: cristão-novo Idade: 27 anos Crime/Acusação: judaísmo Naturalidade: Arraiolos Morada: Arraiolos Pai: Pascoal Monteiro, médico Mãe: Maria Romeira, cristã-nova Estado civil: solteiro Data da prisão: 25/07/1715 Sentença: O réu foi absoluto da instância do juízo, seus ossos enterrados em sepultura eclesiástica, oferecer a Deus, por sua alma, sacrifícios e sufrágios da igreja e que a sentença fosse lida no auto-da-fé para conhecimento de todos. O réu faleceu no cárcere em 16/09/1725. O processo não contém a publicação da sentença. O acórdão que se encontra neste processo é relativo ao réu Bento Nogueira.
Outras formas do nome: Bento Cardoso Crime/Acusação: judaísmo, heresia, apostasia Cargos, funções, actividades: estanqueiro de tabaco Naturalidade: Montemor-o-Novo Morada: Olivença Pai: João Mendes, alfaiate Mãe: Maria Cardosa Estado civil: casado Cônjuge: Ana Lopes Data da prisão: 29/10/1681 Sentença: auto-da-fé de 15/02/1682 Outros dados: em 16 de Março de 1682, foi mandado sair de Évora para ir cumprir penitência para Montemor-o-Novo e em 10 de Março de 1685, foi-lhe tirado o hábito e levantado o cárcere. Inventário: peça de mobiliário, roupa de uso e tabaco.
Testamento que faz José Maria Bento Gonçalves, casado, lugar e freguesia de Anadia
Testamento que faz João Gonçalves Bento, casado, proprietário lugar e freguesia de Anadia
Testamento que faz Joaquim Bento de Sousa solteiro empregado de comércio da Cidade do Porto
Testamento que faz Joaquim Rodrigues Bento, casado, proprietário do Lugar e freguesia de Vilarinho do Bairro
Contém autos de impedimento ao banhos de Bento Rodrigues. Freguesia de Santo Estevão, concelho de Serpa.
Inventariado: José Bento; Inventariante: João Ramos Pinto. Possui apenso processo de arrolamento de bens (1891).
Inventariado: José Fernandes Bento; Inventariante: Joaquina Esteves. Cumulado ao inventário por óbito de Joaquina Esteves.
Inventariado: Bento Gonçalves; Contém apenso um inventário por óbito de Tomé Gonçalves e dois processos.
Inventariado: Bento Fernandes; Inventariante: Agueda Sanches. Tem apenso um processo de Setença Civil.
Inventariado: António Lopes Bento, morador em Vela. Inventariante: Ana de Jesus.
Inventariado: Francisco Bento, morador em Sobral da Serra. Inventariante: Maria Eufrasia.
Inventariado: Bento Gonçalves Nobre; Inventariante: Teresa Gonçalves. Apenso o inventário por óbito de Teresa Gonçalves.
Inventariado: José Bento, morador em Sé da Guarda. Inventariante: Carlota Maria.
Inventariado: Manuel Lopes Bento , morador em Mizarela. Inventariante: Helena da Conceição.
Inventariado: José Bento, morador em Pera do Moço. Inventariante: Rosalina Maria.
Inventariado: Bento Lourenço,morador em Avelãs de Ambom. Inventariante: Izabel Antunes Pascoal.
Inventariado: Antonio Lopes Bento, de Mizarela; Inventariante: Maria do Carmo Mateus, de Mizarela.
Inventariado: José Bento, de Sobral da Serra; Inventariante: Ema de Jesus, de Sobral da Serra.
Inventariado: João Bento, de Sobral da Serra; Inventariante: Ana Aurelia, de Sobral da Serra.
Inventariado: Armando Valente Bento, morador em França. Inventariante: Alcina Maria de Sousa Gil.
Inventariado: Antonio Duarte Bento, de São Romão; Inventariante: Maria d`Assunção da Silva, de São Romão.
Inventariado: Albino Mendes Bento, de Sandomil; Inventariante: Maria Tereza Mendes Guerra, de Sandomil.
Inventariado: Joam Lopes Bento, de Manteigas; Inventariante: Maria Thereza Doarte Mameira.
Inventariado: Bento Jose Duarte, de Paranhos; Inventariante: Anna Correa da Silva, de Paranhos.
Recibos de foros referentes à Casa Agricola Bento Rodrigues de Sousa.
Notas biográficas sobre Joaquim Bento Pereira (Barão do Rio Zêzere). Contém referências datadas do século XIX.
Inventariado: Graciano Marques Bento, Ermida, fr. Tondela Inventariante: Rufina Neves, Ermida, fr. Tondela
Inventariante: Maria Bernarda, Moimenta da Beira Inventariado: Bento Andrade, Moimenta da Beira
Inventariante: Antonio de Almeida, fr. Sarzeda, conc. Sernancelhe Inventariado: Bento Joze, fr. Sarzeda, conc. Sernancelhe
Inventariado: Bento José Coelho, fr. Anreade Inventariante: Ermelinda Pinto, fr. Anreade
Mestrado Integrado em Engenharia Electrotécnica e de Computadores
Mestrado Integrado em Engenharia Industrial e Gestão
Alvará. Foro de Fidalgo Cavaleiro. Filiação: Bento José de António Rego Abreu.
Outras formas do nome: Bento Manuel da Silva Estatuto social: homem pardo Idade: 18 anos Crime/Acusação: bigamia Cargos, funções, actividades: carpinteiro Naturalidade: Alagoas do Sul, bispado de Pernambuco, Brasil Morada: Alagoas do Sul, bispado de Pernambuco, Brasil Pai: Francisco Xavier Mãe: Luzia da Silva Estado civil: casado Cônjuge: Antónia da Silva, primeira mulher, Francisca da Silva, segunda mulher Data da prisão: 20/09/1757 Sentença: auto-da-fé de 23/12/1759. Abjuração de leve, será açoitado pelas ruas públicas da cidade de Lisboa “citra sanguinis efusionem”, degredo por tempo de cinco anos para as galés de sua magestade, instrução na fé, penas e penitências espirituais, pagamento de custas. O réu, por ser menor, teve como seu curador Clemente Xavier dos Santos, capelão dos Cárceres da penitência.
Pai: Jaime Clemente de Moraes Sarmento; Mãe: Maria José Matias; Avô paterno: Bento Augusto de Morais Sarmento; Avó paterna: Guilhermina Carlota de Almeida Morais; Avô materno: José Matias; Avó materna: Margarida Emília
Registo n.º300 - f.320 Filho de: José Maria Bento e de Antónia Maria; Natural de: Felgar-Felgar-Torre de Moncorvo; Idade: 40 anos; Literacia: sabe escrever; Est. Civil: casado(a); Profissão: Jornaleiro; Destino: [Nerryoreh].
Requerimento nº 1015, 15/07/1999: Processo de troca de licença de condução de velocípede com motor nº 1804, emitida pela Câmara Municipal de Constância em 09/01/1981, por licença de condução de ciclomotor, em nome do requerente: José Rosa Bento Rodrigues Marques
Registo n.º1046 - f.226v. Filho de: Anselmo António Bento e de Ana Joaquina Afonso; Natural de: Ligares-Ligares-Freixo de Espada à Cinta; Idade: 35 anos; Literacia: Não sabe escrever; Est. Civil: casado(a); Profissão: Jornaleiro; Destino: Brasil.
Registo n.º728 - f.187 Filho de: Francisco António Bento e de Maria da Purificação; Natural de: Morais-Morais-Macedo de Cavaleiros; Idade: 34 anos; Literacia: sabe escrever; Estado Civil: Solteiro(a); Profissão: Jornaleiro; Destino: São Paulo - Brasil.
Registo n.º259 - f.150 Filho de: Manuel António Bento e de Angelica Maria Lobana; Natural de: Lagoaça-Lagoaça-Freixo de Espada à Cinta; Idade: 38 anos; Literacia: não sabe escrever; Estado Civil: Solteiro(a); Profissão: Agricultor; Destino: São Paulo - Brasil.
Registo n.º598 - f.49v. Filho de: José António Bento e de Maria de Jesus; Natural de: Ala-Ala-Macedo de Cavaleiros; Idade: 14 anos; Literacia: não sabe escrever; Estado Civil: Solteiro(a); Profissão: Trabalhador; Destino: São Paulo - Brasil.
Registo n.º573 - f.44 Filho de: José António Bento e de Maria de Jesus Quintela; Natural de: Ala-Ala-Macedo de Cavaleiros; Idade: 13 anos; Literacia: não sabe escrever; Estado Civil: Solteiro(a); Profissão: Trabalhador; Destino: São Paulo - Brasil.
Registo n.º2998 - f.459 Filho de: Domingos Bento e de Ana Joaquina; Natural de: Edroso-Edroso-Macedo de Cavaleiros; Idade: 20 anos; Literacia: não sabe escrever; Estado Civil: casado(a); Profissão: Agricultor; Destino: Brasil.
Registo n.º1116 - f.148 Filho de: Guilherme César Bento e de Guilhermina Adelaide; Natural de: Outeiro-Outeiro-Bragança; Idade: 30 anos; Literacia: não sabe escrever; Estado Civil: casado(a); Profissão: Agricultor; Destino: Montevideu - Uruguai.
Registo n.º558 - f.384v. Filho de: José Maria Bento e de Antónia Maria; Natural de: Felgar-Felgar-Torre de Moncorvo; Idade: 30 anos; Literacia: não sabe escrever; Est. Civil: casado(a); Profissão: Jornaleiro; Destino: Nova Iorque - América.
Registo n.º111 - f.184 Filho de: João Baptista Bento e de Maria da Glória; Natural de: Ligares-Ligares-Freixo de Espada á Cinta; Idade: 36 anos; Literacia: não sabe escrever; Estado Civil: casado(a); Profissão: não consta; Destino: América do Norte.
Registo n.º294 - f.226 Filho de: Francisco Bento e de Ana Maria; Natural de:Brunhoso-Brunhoso-Mogadouro; Idade: 31 anos; Literacia: não sabe escrever; Estado Civil: solteiro(a); Profissão: Agricultor; Destino: Brasil.