Type

Data source

Date

Thumbnail

Search results

You search for benavente and 1,168 records were found.

Proveniência: Arcebispado de Lisboa Assunto: Requisitória para se proceder a diligências "de genere" por parte do avô materno do justificante. Para se ordenar de ordens menores e sacras. Naturalidade do justificante: Samora Correia Filiação: João Gomes Leitão e Maria Pais Avós paternos: Manuel Miguens Naturalidade do avô paterno: Samora Correia Avós maternos: João Rodrigues Naturalidade do avô materno: Benavente
Proveniência: Arcebispado de Lisboa Requisitória para se proceder a diligências "de genere" por parte dos avós paternos e do avô materno dos justificantes, para se ordenarem de ordens menores e sacras. Naturalidade dos justificantes: Salvaterra de Magos Filiação: Francisco Cardoso e Brites Maria da Costa Avós paternos: Francisco Cardoso e Francisca Simão Naturais: Benavente Avós maternos: João Gomes Correia Naturalidade do avô materno: Serpa
Proveniência: Arcebispado de Lisboa Requisitória para se proceder a diligências "de genere" por parte do avô paterno do justificante, para se ordenar de ordens menores e sacras. Naturalidade do justificante: Santa Cruz (Santarém) Filiação: Belchior Lopes Pestana e Luísa Maria de Paiva Avós paternos: Francisco Pestana Naturalidade do avô paterno: Benavente
Proveniência: Arcebispado de Lisboa Requisitória para se proceder a diligências "de genere" por parte dos avós maternos do justificante, para se ordenar de ordens menores e sacras. Naturalidade do justificante: Lisboa Filiação: João de Campos de Andrade e Margarida Freire de Andrade Avós maternos: Manuel Rodrigues Monteiro e Maria Freire de Andrade Naturais: Benavente
Proveniência: Arcebispado de Lisboa Requisitória para se proceder a diligências "de genere" por parte da avó materna do justificante, para se ordenar de ordens menores. Naturalidade do justificante: Benavente Filiação: Vicente Correia de Basto e Francisca Maria de Brito Avós maternos: Manuel de Barros e Maria de Brito Naturalidade da avó paterna: Nossa Senhora da Orada (Avis)
Proveniência: Arcebispado de Lisboa Requisitória para se proceder a diligências "de genere" por parte do avô materno do justificante, para se ordenar de ordens menores. Naturalidade do justificante: Lisboa Filiação: Félix Monteiro de Melo e Filipa Correia Avós paternos: Manuel Vaz Preto Monteiro, Familiar do Santo Ofício da Inquisição Naturalidade do avô materno: Benavente
Proveniência: Bispado de Coimbra Requisitória para se proceder, na freguesia de São Brás da Barrosa (Benavente), a diligências de “vita et moribus" a favor do justificante, para se ordenar de ordens menores. Naturalidade do justificante: Vila de Casal de Álvaro (Espinhel) Filiação: Mateus Simões e Isabel de Matos
Proveniência: Arcebispado de Lisboa Requisitória para se proceder a diligências "de genere" por parte do avô materno do justificante, para se ordenar de ordens menores e sacras. Naturalidade do justificante: Santarém Filiação: Domingos de Oliveira Bravo Joana Maria Pestana Avós maternos: Francisco Pestana Naturalidade do avô materno: Benavente
Proveniência: Arcebispado de Lisboa Requisitória para se proceder a diligências "de genere" por parte do avô paterno do habilitando, para se ordenar de ordens menores e sacras. Naturalidade do habilitando: Salvaterra de Magos Filiação: Manuel Rodrigues Ratinho e Mariana Lopes Rodrigues Carvalho Avós maternos: Manuel Rodrigues e Francisca Carvalho Naturalidade do avô materno: Benavente Naturalidade da avó materna: Almeirim
Proveniência: Arcebispado de Lisboa Requisitória para se proceder a diligências "de genere" por parte dos pais do habilitando, para se ordenar de ordens menores e sacras. O habilitando era compatriota do Arcebispado de Lisboa. Naturalidade do habilitando: Benavente Filiação: Brás Ferreira Félix e Maria da Cruz Naturalidade do pai: Bombarral Naturalidade da mãe: Casével (Santarém)
Proveniência: Arcebispado de Lisboa Requisitória para se proceder a diligências "de genere" por parte da avó materna do justificante, para se ordenar de ordens menores e sacras. Naturalidade do justificante: Benavente Filiação: Vicente Correia de Basto e Francisca Maria de Brito Avós maternos: Manuel de Barros e Maria de Brito Naturalidade da avó paterna: Nossa Senhora da Orada (Avis)
Breve de dispensa de luto a favor de José da Silva Ribeiro, de Benavente, para poder ser ordenado a Ordens Sacras Presbítero, no corrente ano de luto. Contém: Diligências do breve a favor do requerente; Comissão sobre a vida, costumes e aptidão do requerente; Inquirição às testemunhas.
Breve de dispensa de luto a favor José Honorato Leal de Morais, clérigo, de Benavente, para poder ser ordenado a Ordens Sacras de Subdiácono, no corrente ano de luto. Contém: Diligências do breve a favor do requerente; Comissão sobre a vida, costumes e aptidão do requerente; Inquirição às testemunhas.
Proveniência: Arcebispado de Lisboa Requisitória para se proceder a diligências de visita e avaliação do património do habilitando, sito na freguesia de Santo Estevão, termo de Benavente, doado pelo pai do mesmo, para ser promovido a ordens sacras. Naturalidade do habilitando: Sobral de Monte Agraço Filiação: Jorge de Melo de Sequeira e Catarina Maria de Lima
Breve Apostólico de licença para dizer Missa Votiva a favor do Padre Joaquim da Trindade, Presbítero na igreja de São Brás da ordem de Avis, da Vigariaria de Benavente, em sequência da sua falta de visão. Contem: Requerimento do requerente; Licença; Termo de aceitação; Termo de entrega não teve efeito; Autos das Testemunhas.
Breve de dispensa de luto a favor de Joaquim José de Macedo e Melo, de Benavente, para poder ser ordenado a Ordens Sacras de Presbítero, no corrente ano de luto. Contém: Diligências do breve a favor do requerente; Comissão sobre a vida, costumes e aptidão do requerente; Inquirição às testemunhas.
Breve de suplemento de idade de Eugénio Morato, Diácono, natural da Vila de Benavente, para poder ser ordenado à Ordem de Presbítero. Contém: Breve a favor do requerente; Termo de aceitação; Autos de execução da dispensa Apostólica de suplemento de idade.
Breve de suplemento de idade de Camilo José de Oliveira, Diácono, natural da vila de Benavente, para poder ser ordenado à Ordem de Presbítero. Contém: Breve a favor do requerente; Termo de aceitação; Autos de execução da dispensa Apostólica de suplemento de idade.
Autos de colação e confirmação, onde consta carta de mercê da Rei D. Carlos, dirigida ao arcebispo de Évora, D. Augusto Eduardo Nunes, nomeando o presbítero João Simões Matias, para priorado da igreja paroquial de N.ª Sr.ª da Graça da vila de Benavente. Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação onde consta carta-patente do Rei D. José, para apresentação ao Arcebispo de Évora, D. João Cosme da Cunha, de Domingos de Carvalho, frei professo da Ordem de Avis, para benefício curado da igreja matriz da vila do Benavente Beneficio que vagou por desistência de Joaquim Frazão. Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação, onde consta carta de mercê do rei D. Luis, informando o Arcebispado de Évora, D. José António Pereira Bilhano, da nomeação do presbítero João José Rodrigues da Rocha, para priorado da igreja paroquial de Santo Estevão do concelho de Benavente. Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação, onde consta carta de mercê do rei D. Luis, informando o vigário capitular do arcebispado de Évora, da nomeação do presbítero Manuel Mendes Belmonte, para igreja paroquial de Nossa Senhora da Graça de Benavente. Beneficio que vagou por óbito do último possuidor, João Maria da Rocha Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação a favor de Manuel de Barros Pinheiro, do hábito de S. Pedro, para benefício na capela de S. Sebastião da Quinta da Foz, propriedade dos Condes de Castanheira, situada no termo da vila de Benavente. Beneficio que vagou por falecimento do último possuidor, Pe. Francisco Ferreira de Andrade. Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação, onde consta traslado da carta de mercê da Rainha D. Maria II, dirigida ao vigário capitular do Arcebispado de Évora, nomeando o presbítero José Maria da Rocha, para tesouraria da igreja paroquial de N. Sr.ª da Graça da vila de Benavente Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação onde consta carta-patente do Arcebispo de Évora, D. Frei Miguel de Távora, a favor de Rodrigo de Sá Coelho, clérigo de prima tonsura, para capela curada de S. Bartolomeu, sita na Igreja matriz da vila de Benavente. Beneficio que vagou falecimento do ultimo beneficiado, José da Fonseca. Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação onde consta carta-patente recebida do Rei D. José, para apresentação ao Arcebispo de Évora, D. Frei Miguel de Távora, de João George, frei professo da Ordem de Avis, para beneficio curado da igreja matriz da vila das Benavente Beneficio que vagou promoção de Manuel Dias Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de petição que faz José da Fonseca de Azevedo, clérigo de "Prima Tonsura", para colação e confirmação da capela curada de S. Bartolomeu, sita na igreja matriz da vila de Benavente. Entre outros documentos, consta a confirmação dada pelo arcebispo D. Miguel de Távora. Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação onde consta carta-patente, recebida do Rei D. João, para apresentação ao Arcebispo de Évora, D. Miguel de Távora, de Francisco Cruz Frade Lameira, frei professo da Ordem de S. Bento de Avis, em beneficio curado da igreja matriz da Graça da vila de Benavente Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Proveniência: Bispado de Lamego Requisitória para se proceder em Benavente a diligências de “vita et moribus" a favor do habilitando, clérigo de ordens menores, morador na dita vila, para ser promovido a ordens sacras. Contém as inquirições “de vita et moribus”. Naturalidade do habilitando: Bispado de Lamego, freguesia de Santa Senhorinha de Tões (Armamar) Filiação: Manuel Pinto e Angélica Maria
Autos de colação e confirmação, onde consta provisão dos Marqueses do Louriçal a favor de Manuel Martins Costa, para beneficio simples da capela de S. Sebastião, do Morgado da Foz de Benavente Beneficio que vagou por óbito do último possuidor, Caetano Ferreira da Cruz Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação onde consta carta-patente recebida do Rei D. José, para apresentação ao Arcebispo de Évora, D. Frei Miguel de Távora, de Manuel Dias Estrada, frei professo da Ordem de Avis, para beneficio curado da igreja matriz de Benavente Beneficio que vagou por desistência, Brás Ribeiro Falcato Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação a favor de Diogo Mendonça Corte Real, clérigo "in Minoribus" , natural da vila de Benavente, filho de Pedro da Costa Brandão e de Clara de Campos Brandão, para beneficio simples da igreja matriz da vila de Coruche Benefício que vagou por falecimento do último possuidor, Pe. Dionisio Carvalho Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Filiação: António Eugénio Paim dos Reis e de Piedade Peres Idade: 47 anos Profissão: Proprietário Estado: Casado Naturalidade: Benavente Residência: Évora Destino: Europa e Marrocos Motivo: Obs.: Viaja na companhia de sua esposa D. Maria Natália Sousa de Barahona paim dos Reis
Nome do esposo: José Pedro Fernandes Naturalidade: Vendas Novas Idade: 31 anos Filiação: João Pedro Fernandes, natural de São Brás (Benavente) e Maria José, natural de Lavre Profissão: Chefe da Estação do Caminho de Ferro (Poceirão) Nome da esposa: Teresa da Conceição Silva Naturalidade: Évora (São Pedro) Idade: 21 anos Filiação: Pais incógnitos Profissão: Doméstica
Nome do esposo: António Luís Pardal Naturalidade: Canha (Montijo) Idade: 27 anos Filiação: Manuel Rodrigues, natural de Santo Estêvão (Benavente) e Maria Rosa, natural de Canha (Montijo) Profissão: Sua Agência Nome da esposa: Maria Augusta Cândeias Naturalidade: Cuba (Beja) Idade: 20 anos Filiação: António de Jesus Cândeias e Guilhermina Augusta Conde, naturais de Cuba (Beja) Profissão: Doméstica
Alandroal, Sarzedas, Ribeira de Canha, Benavente, Monte do Lombachão, Cabeço de Portugal, Vale da Sertã, Fonte da Cruz, Ribeiro de Maria Magra. Padre frei João Luis de Sarzedas, Diogo Jorge, Paula Maria Micaela, Isabel Jorge, Manuel Luis do Polvorinho, Sebastiana Jorge. Treslado parcial do original datado de 25 de Janeiro de 1736.
Nome do registado: Justa do Sacramento de Oliveira Caraça ou Justa Mendes Data de nascimento: 15 de Agosto de 1882 Naturalidade: freguesia de Samora Correia, concelho de Benavente Filiação: António de Oliveira Caraça e Maria das Dores Periquita Observações: casou com Joaquim António Mendes, a 27 de Maio de 1901, em Portalegre
Testamento cerrado de António Serrão Diniz, tenente-coronel do Regimento da praça de Campo Maior, deixando a seu filho mais velho, Francisco, e por morte deste aos restantes filhos e por óbito destes e não havendo descendentes à Confraria de N. Sra. da Esperança de Frielas, 3 prazos em Frielas, a quinta de Figueiredo, uma courela de terra e um prazo em Benavente.
Requerente: José Araújo Alves Ferreira Bilhete de identidade número: 683247 (Porto) Filiação: Joaquim Augusto Alves Ferreira e Ermelinda Portilho De Araújo Ferreira Data de nascimento: 26/12/1900 Lugar: Benavente Freguesia: Mondim de Basto Concelho: Mondim de Basto Distrito: Vila Real Destino: Europa e África
Contem: Uma noticia de algumas antiguidades romanas encontradas nas Caveiras, em Benavente, elaborada pelo vogal Fernando Alberto Ricca Bandeira Ferreia; notas de António de Castelo Branco sobre algumas sepulturas " com material do tipo que lhe pareceu ser romano"encontradas junto às minas de Aljustrel
Inclui termos de exame do Liceu Central Sá da Bandeira, do Liceu Sá da Bandeira, do Liceu nacional de Santarém; do curso geral do ensino nocturno, do curso secundário unificado, de alunos internos e externos (do Externato Braamcamp; concelho do Cartaxo; Rio Maior; concelho de Benavente; Abrantes, Tomar...).
Relatório enviado pela Escola Preparatória de Duarte Lopes, Benavente, no que respeita a apreciação do Projecto do Sistema Escolar e Linhas Gerais da Reforma do Ensino Superior. O relatório foi enviado ao Director de Serviços do Ciclo Preparatório do Ensino Secundário pelo ofício n.º 418 (Proc. 1-D), datado de 09 de Março de 1971.
Filho de Manuel Coelho de Melo e de sua mulher D. Maria do Avelar, moradores em Palmela; neto paterno de Pedro Coelho Cardoso e de sua mulher D. Maria de Melo; neto materno de Miguel Perdigão, morador em Benavente, e de sua mulher Leonor do Avelar Pereira, natural de Alenquer.
Contém actos notariais relativos aos prazos e arrendamento de propriedades dos concelhos de Cascais, Coruche, Benavente e Loures, Mafra, Montemor-o-Novo, Oeiras, Rio Maior, Santarém, Sobral de Monte Agraço, Sintra e Vila Franca de Xira e escrituras de aforamento, de transmissão e venda, entre outros.
Contém: extractos dos regimentos do Monteiro-Mor do Reino de 1605 e do Juíz Geral das Coutadas, bem como dos regimentos das Coutadas de Coruche, Erra, Benavente e Almeirim; cópias de provisões; certidões do séc. XVIII com disposições gerais; uma nota sobre o arquivo da Montaria-Mor do Reino em 1729.
Contém: Petição, apresentação de comissão, depoimento dos justificantes, mandado de diligências, sumário de testemunhas e certidões de batismo. O nubente era viúvo de Ana Adriana (sepultada no adro da Paróquia de Santana do Mato, Coruche). A nubente era viúva de Francisco de Sousa, natural de Nossa Senhora da Graça, Benavente.
Contém o requerimento dos nubentes pedindo licença para contraírem matrimónio, a declaração dos párocos sobre proclamas, impedimentos e examinação dos nubentes na doutrina cristã, as certidões de batismo dos nubentes e o termo de conclusão do processo. Naturalidade do nubente: São João Batista de Coruche Naturalidade da nubente: São João Batista de Coruche (os pais eram de Coimbra) Morada dos nubentes: Benavente
Contém o requerimento dos nubentes pedindo licença para contraírem matrimónio, a declaração dos párocos sobre proclamas, impedimentos e examinação dos nubentes na doutrina cristã, as certidões de batismo dos nubentes e o termo de conclusão do processo. Naturalidade do nubente: Muge, concelho de Salvaterra de Magos Naturalidade da nubente: São Mateus de Erra, concelho de Coruche Morada dos nubentes: Benavente
Contém 1 processo de financiamento, no âmbito do Programa Estímulo no Domínio das Ciências Sociais e Humanas, do seguinte projecto: Projecto "As Desigualdades Sociais na Escola - Construção Social dos Percursos Escolares" (PCSH/C/SOC/763/93), proposto e executado pelo Instituto de Ciências Sociais. Investigador responsável: Ana Benavente.
Coplas de "Rataplan: revista em 2 actos e 8 quadros", com libreto original de Gregos e Troianos e música (parte original e parte coordenada) pelos maestros Raúl Portela e António Benavente. Representada pela primeira vez no Teatro Maria Vitória em Lisboa. Inclui uma pequena folha solta com versos do segundo acto da revista que não fazem parte da edição original.
Contém o requerimento dos nubentes pedindo licença para contraírem matrimónio, a declaração dos párocos sobre proclamas, impedimentos e examinação dos nubentes na doutrina cristã, as certidões de batismo dos nubentes e o termo de conclusão do processo. Naturalidade da nubente: Santo Estêvão da Ribeira de Canha, concelho de Benavente Naturalidade da nubente: Coruche
O pai era natural da vila de Coruche, e a mãe era natural da vila de Benavente. Neto paterno de Francisco Vieira Raposo e de Clara Nunes Soeiro, naturais da vila de Erra. Neto materno de Domingos Gonçalves Pedrosa, natural do lugar da Amieira, freguesia de Paião, Bispado de Coimbra, e de Isabel Henriques, natural da vila de Benavente. Constam: as certidões de baptismo do habilitando, dos pais, dos avós paternos e da avó materna; a certidão do casamento dos avós maternos; o processo de património que contém, entre outros documentos, a escritura de doação que fez a si mesmo o habilitando, o edital do património afixado na Igreja Matriz de Coruche, e as diligências de visita e avaliação do mesmo; Breve de extra têmpora, do Núncio Apostólico, para ordens sacras.
Inventariado(a): Inês Maria Morada: Sousel, Horta de Benavente Testamento: com testamento Data do óbito: 1866-08-06 Inventariante e cabeça de casal: Constantino de Jesus, viúvo da inventariada Morada: Sousel, Horta de Benavente Filhos: Dimas, de 33 anos, casado Engrácia Maria, de 30 anos, casada com Vicente Mendes Joaquim de Jesus, de 24 anos, solteiro José de Jesus, de 24 anos, solteiro Ana de Jesus, já falecida antes da inventariada, casada que foi com Francisco Martins da Cunha Netos, filhos de Ana de Jesus: Celestina, de 14 anos Joaquim, de 12 anos Contém, entre outros documentos, a cópia do testamento da inventariada, o inventário de descrição e avaliação dos bens e o mapa de partilha dos mesmos. Apenso: 1- Autos cíveis de petição para pagamento da dívida que o casal inventariado tinha para com o Padre Joaquim Maria de Oliveira, pároco da vila de Sousel.
Relação do pessoal da montaria Mor do Reino desde 1606, dividida por categorias (apresentada em forma de índice dos livros de registo nºs 1 a 3 da série 1); relação dos oficiais da Coutadas criminosos (ca. 1741) relação de servidores locais (ca. 1790), com indicação das datas de provimento; relações de oficiais das Montarias de Santarém (ca. 1776), Óbidos (1777 e 1781), Benavente (ca. 1781); relação, feita em 1784, de emprazadores existentes e falecidos; mapa de servidores das Coutadas de Muge, Salvaterra, Benavente, Samora Correia e Pancas em 1800; relação de Meirinhos gerais das Coutadas, contadores e inquiridores delas (ca. 1807); relação incompleta, feita ca. 1810, de servidores da Montaria-Mor do Reino desde 1757; relação dos couteiros de Alcácer do Sal (p. 1825); minuta de certidão com relação dos procuradores gerais e promotores fiscais das coutadas de 1682 a 1818; relação dos guardas da Coutada de Sintra (s.d.).
O pai do habilitando e os avós paternos, Agostinho Otoni e Maria Catarina Manita, eram naturais de Génova. Constam somente as inquirições "de genere" que se fizeram na vila de Coruche, naturalidade do avô materno, Pedro Cota Bandeira, e na vila de Benavente, naturalidade da avó materna Clara de Campos Bandeira, por secretas e comissões de Frei Jerónimo de São José, provisor das justificações "de genere" do Arcebispado de Évora.
Proveniência: Arcebispado de Lisboa Assunto: Requisitória para se proceder a diligências "de genere" por parte do avô materno do justificante, para se ordenar de ordens menores e sacras. Naturalidade do justificante: Azambuja Filiação: Sebastião Morato e Maria da Costa Naturais: Azambuja Avós paternos: António Luís e Simoa Gomes Naturais: Azambuja Avós maternos: António de Góis e Domingas da Costa Naturalidade do avô materno: Benavente Naturalidade da avó materna: Gavinheira (Lisboa)
Proveniência: Bispado de Coimbra Assunto: Requisitória para se proceder a diligências "de genere" por parte do avô materno do justificante. Para ordens menores. Naturalidade do justificante: Nossa Senhora do Ó, da vila de Paião (Figueira da Foz) Filiação: Pedro Fernandes e Maria Gomes Avós paternos: Pedro Fernandes e Maria Antónia Naturais: Paião (Figueira da Foz) Avós maternos: Francisco Dias e Maria Gomes Naturais: Paião (Figueira da Foz) Filiação do avô materno: Guiomar Vaz, natural de Benavente
Proveniência: Arcebispado de Lisboa Assunto: Requisitórias para se proceder a diligências "de genere" por parte dos avós maternos do justificante. Para se habilitar às igrejas do Arcebispado de Lisboa. O justificante foi religioso na Congregação de São João Evangelista. Naturalidade do justificante: Lisboa Filiação: Julião Botelho e de Antónia de Abreu Avós paternos: Francisco Mendes Botelho e Marta Luís Naturais: Arcebispado de Braga Avós maternos: Jorge Fernandes e Catarina Pereira Naturais: Benavente
Proveniência: Arcebispado de Lisboa Assunto: Requisitória para se proceder a diligências " de genere" por parte dos avós do justificante. Para ordens menores e sacras. Naturalidade do justificante: Canha Filiação: Manuel Nunes de Magalhães e Apolónia Rodrigues Naturais: Canha Avós paternos: Diogo Nunes e Maria de Magalhães Naturalidade do avô paterno: Coruche Naturalidade da avó paterna:Benavente Avós maternos: Sebastião Gonçalves e Apolónia Rodrigues Naturalidade do avô materno: Lavre Naturalidade da avó materna: Canha
Proveniência: Arcebispado de Lisboa Assunto: Requisitória para se proceder a diligências " de genere" por parte dos avós paternos do justificante. Para ordens menores e sacras. Naturalidade do justificante: São Cristovão-Lisboa Filiação: Fernão Correia e Isabel Pinheiro Moradores: Lisboa Avós paternos: Simão Correia e Isabel Coelho Naturalidade do avô: Coruche Naturalidade da avó: Benavente Avós maternos: Manuel Rodrigues e Catarina Baptista (ou Maria Baptista) Naturais: Goa
Proveniência: Arcebispado de Lisboa Assunto: Requisitória para se proceder a diligências " de genere" por parte do avô paterno do justificante. Para ordens menores e sacras. Naturalidade do justificante: Lisboa Filiação: João Pinheiro e Maria de Sousa Avós paternos: Domingos Luís e Catarina Pinheiro Naturalidade do avô paterno: Benavente Naturalidade da avó paterna: Palaios, termo de Alenquer (Pereiro de Palhacana) Avós maternos: António Francisco e Ana da Costa Naturalidade do avô materno: Ourém Naturalidade da avá materna: Palmela
Proveniência: Bispado da Guarda Requisitória para se proceder, na vila de Benavente, a diligências "de genere" por parte do avô materno do justificante, para se ordenar de ordens menores e sacras. Naturalidade do justificante: Punhete, termo de Abrantes Filiação: Manuel Baptista e Maria Rodrigues Naturais: Punhete Avós paternos: António Baptista e Margarida Gonçalves Naturais: Punhete Avós maternos: Manuel de Paiva e Isabel Esteves Naturalidade do avô materno: Punhete Naturalidade da avó materna: Montalvo
Proveniência: Arcebispado de Lisboa Requisitórias para se proceder a diligências "de genere" por parte da avó materna do justificante, para se ordenar de ordens menores e sacras. Naturalidade do justificante: Atouguia das Cabras (Alenquer) Filiação: Sebastião Afonso e Leonor Lobato Avós maternos: Francisco Viegas e Maria Lobato Filiação da avó materna: Estevão da Costa e Leonor Lobato Naturalidade da avó materna: São Brás da Barrosa (Benavente)
Proveniência: Arcebispado de Lisboa Requisitórias para se proceder a diligências "de genere" por parte do avô paterno do justificante, para se ordenar de ordens menores e sacras. Naturalidade do justificante: Lisboa Filiação (filho natural): Félix Monteiro Rebelo e Filipa Correia Avós paternos: Manuel Vaz Preto Monteiro (surgiu o rumor se ser descendente de cristãos novos) Filiação do avô paterno: António Vaz Preto Monteiro e Maria Franco da Cunha Naturais: Benavente
Proveniência: Bispado de Elvas Requisitória para se proceder a diligências "de genere" por parte do pai do habilitando, para se ordenar de ordens menores e sacras. Naturalidade do habilitando: Olivença Filiação: José Álvares, alferes, e Maria Josefa da Silva (havia rumores que o pai era mulato) Naturalidade do pai: Benavente Naturalidade da mãe: Olivença Avós paternos: João Álvares e Maria Carvalho Naturais: Alenquer Avós maternos: António da Silva e Luzia Mendes Naturalidade do avô materno: Ventoso (Dornes) Naturalidade da avó materna: Vimieiro
Proveniência: Arcebispado de Lisboa Requisitória para se proceder a diligências "de genere" por parte da avó materna do justificante, para se ordenar de ordens menores e sacras. Naturalidade do justificante: Lisboa Filiação: Domingos Rodrigues e Maria Baptista Naturalidade do pai: Sabadim (Arcos de Vadevez) Naturalidade da mãe: Cartaxo Avós paternos: Gonçalo Pires Coelho e Maria Gonçalves Naturais: Sabadim (Arcos de Vadevez) Avós maternos: Manuel Jorge e Maria Rodrigues Naturalidade do avô materno: Cartaxo Naturalidade da avó materna: Benavente
Proveniência: Arcebispado de Lisboa Requisitória para se proceder a diligências "de genere" por parte da avó materna do justificante, para se ordenar de ordens menores e sacras. Naturalidade do justificante: Almeirim Filiação: Lourenço Luís e Margarida de Sousa Naturalidade do pai: Alqueidão do Mato (Alcanede) Naturalidade da mãe: Almeirim Avós maternos: António Luís, "o Cambão", e Maria de Sousa Naturalidade do avô materno: Almeirim Naturalidade da avó materna: São Brás da Barrosa (Benavente)
Autos de colação e confirmação, em que consta carta-patente do Rei D. Filipe, para informação e apresentação ao Arcebispo de Évora, D. José de Mello, de João de Morais, frei da Ordem de S. Bento de Avis, para priorado da Igreja Matriz da vila de Benavente. Beneficio deixado vago por falecimento de Francisco Semeão. Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação, em que consta carta-patente do Rei D. Filipe, para informação e apresentação ao Arcebispo de Évora, D. José de Mello, de Daniel de Brito, frei professo da Ordem de S. Bento de Avis, para priorado da Igreja Matriz de Benavente. Benefício que vagou por falecimento do último possuidor, frei Miguel do Cristo Santo. Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação, em que consta carta-patente do Rei D. Filipe, para informação e apresentação ao Arcebispo de Évora, D. José de Mello, de João Rodrigues, frei professo da Ordem de S. Bento de Avis, para benefício curado na Igreja Matriz de Benavente. Benefício que vagou por falecimento do último possuidor, frei Luis Marecos. Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação, em que consta carta-patente do Rei D. Filipe, para informação e apresentação ao Arcebispo de Évora, D. José de Mello, de Luis Marecos, frei do hábito de S. Bento de Avis, para um beneficio curado na Igreja Matriz da vila de Benavente. Benefício que vagou por permutação que fez João Morais. Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação, em que consta carta-patente do Rei D. Filipe, para apresentação ao Arcebispo de Évora, D. Teotónio de Bragança, da nomeação de Simão da Facha, frei professo da Ordem de S. Bento de Avis, para beneficio curado da Igreja de Matriz de Benavente. Beneficio que vagou por renuncia de Álvaro de Carvalho. Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Proveniência: Arcebispado de Lisboa Requisitória para se proceder a diligências "de genere" por parte da avó materna do habilitando, para se ordenar de ordens menores e sacras. Naturalidade do habilitando: Lisboa (Madalena) Filiação: Francisco da Silva e Eugénia Maria Naturalidade do pai: Lisboa (Santa Justa) Naturalidade da mãe: Lisboa (Nossa Senhora da Conceição) Avós maternos: Simão da Costa e Maria Coelho Naturalidade do avô materno: Bispado de Viseu Naturalidade da avó materna: Benavente (Nossa Senhora da Graça)
Proveniência: Arcebispado de Lisboa Requisitória para se proceder a diligências "de genere" por parte do avô materno do habilitando, para se ordenar de ordens menores e sacras. Naturalidade do habilitando: freguesia de São João Baptista da vila de Alhandra Filiação: Manuel da Cruz de Carvalho e Ana Maria Naturalidade do pai: Alenquer Naturalidade da mãe: Arruda dos Vinhos Avós maternos: Alexandre Caldeira e Maria Duarte Naturalidade do avô materno: freguesia de Nossa Senhora da Graça, Benavente Naturalidade da avó materna: Arruda dos Vinhos
Autos de colação e confirmação, em que consta carta-patente recebida do Rei D. João, para apresentação ao Arcebispo de Évora, D. Simão da Gama, de José Freire, frei professo da Ordem de S. Bento de Avis, para beneficio curado da Igreja Matriz da vila de Benavente Benefício que vagou por falecimento do último possuidor, Pe. João Cordeiro Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação onde consta de carta-patente da Rainha D. Maria, que faz apresentação ao Arcebispo de Évora, D. Joaquim Xavier Botelho de Lima, de Bernardo de Lemos, freire professo da Ordem de Avis, para capela curada de S. Brás da Barrosa da vila de Benavente Beneficio que vagou por promoção do último possuidor, José Pedro Silva Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação, em que consta carta-patente recebida do Rei D. Pedro II, para apresentação ao Deão, dignidades e cónegos do cabido, em sede vacante, do Arcebispado de Évora, de António Simões dos Santos, frei professo da ordem de S. Bento de Avis, para capela curada de S. Brás da Barrosa, anexa à matriz de da vila de Benavente. Beneficio que vagou por promoção de João Pires Vidal. Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação onde consta carta-patente da Rainha D. Maria, que faz apresentação ao Arcebispo de Évora, D. João Cosme da Cunha, de José Joaquim Gomes Pombo, freire professo da Ordem de Avis, para futura sucessão de um benefício curado da igreja matriz da vila de Benavente Beneficio que vagou por aposentadoria do último possuidor, frei João Jorge Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação onde consta carta-patente da Rainha D. Maria, que faz apresentação ao Arcebispo de Évora, D. João Cosme da Cunha, de José Pedro da Silva, freire professo da Ordem de Avis, para futura sucessão da capela de S. Brás da Barrosa no termo da vila de Benavente. Beneficio que vagou por promoção de Bernardo de Lemos.. Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação, onde consta traslado de carta de mercê do rei D. Luis, informando o arcebispo de Évora, D. José António Pereira Bilhano, da nomeação do presbítero José Quaresma de Paula Almeida Vidal, para priorado da igreja paroquial de N. Sr.ª da Graça de Benavente da diocese de Évora. Beneficio que vagou por desistência do último detentor, Daniel Saraiva da Guerra. Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação, em que consta carta-patente da regente D. Catarina, Infanta de Portugal para apresentação a D. Simão da Gama, Arcebispo de Évora, de Jorge Moreira David, frei professo da ordem de S. Bento de Avis, para beneficio curado na igreja matriz da vila de Benavente Beneficio que vagou por falecimento do último possuidor, Baltazar Faria Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação onde consta de carta-patente da Rainha D. Maria, que faz apresentação ao Cabido, sede vacante, da cidade de Évora, de Joaquim Leite Homem de Magalhães Pereira, freire professo da Ordem de Avis, para priorado da igreja matriz da vila de Benavente. Beneficio que vagou por falecimento do último possuidor, Luis António da Silva. Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação onde consta carta-patente da Rainha D. Maria, que faz apresentação ao Arcebispo de Évora, D. João Cosme da Cunha, de José Pereira de Andrade, clérigo subdiácono do hábito de S. Pedro, para benefício curado da igreja matriz da vila Benavente. Beneficio que vagou por aposentadoria do último possuidor, Lourenço Caldeira. Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação, em que consta carta-patente do Rei D. Afonso, para apresentação ao Deão, cónegos e cabido da sede vacante da Sé de Évora, de Francisco Soares, frei professo da Ordem de S. Bento de Avis, para um priorado na igreja matriz de Benavente. Benefício que vagou por falecimento do último possuidor, frei Jerónimo Rebelo. Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação onde consta carta apresentada por D. Jorge de Atayde como Administrador do condado e Casa da Castanheira e da capela de S. Sebastião, para apresentação ao Arcebispado de Évora, do Pe. Francisco Felix Pinto, para beneficio curado da capela acima mencionada, do termo de Benavente. Benefício que vagou por falecimento do último possuidor, Dr. Clemente Felix. Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação, em que consta carta-patente do Rei D. Afonso, para apresentação ao Deão , dignidades e cónegos do cabido, em sede vacante, do arcebispado de Évora, de Jacinto Rodrigues, frei professo da Ordem de S. Bento de Avis, para benefício curado da igreja matriz da vila de Benavente. Benefício que vagou por aposentação do último possuidor, frei António do Tojal. Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação, em que consta carta-patente do Rei D. Afonso, para apresentação ao Deão, dignidades e cónegos do cabido, em sede vacante, do arcebispado de Évora, de Simão Correia Franco, frei da Ordem de S. Bento de Avis, para beneficio curado na Igreja matriz da vila de Benavente. Benefício que vagou por falecimento do último possuidor, frei Sebastião Frade Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação em que consta carta-patente do principe regente D. Pedro, para apresentação ao Deão, dignidades e cónegos do cabido, em sede vacante, do Arcebispado de Évora, António Cardoso, frei professo da Ordem de S. Bento de Avis, para beneficio curado da Igreja Matriz da vila de Benavente Benefício que vagou por falecimento do último possuidor, frei João Baptista Avelar Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação em que consta carta-patente do principe regente D. Pedro, para apresentação ao Deão, dignidades e cónegos do cabido, em sede vacante, do Arcebispado de Évora, de Manuel da Fonseca, frei professo da Ordem de S. Bento de Avis, para beneficio curado da igreja matriz da vila de Benavente. benefício que vagou por falecimento do último possuidor, frei António Cardoso. Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação em que consta carta-patente do principe regente D. Pedro, para apresentação ao Deão, dignidades e cónegos do cabido, em sede vacante, do Arcebispado de Évora, de Jacinto Rodrigues, frei professo da Ordem de S. Bento de Avis, para capela curada de St.º Estevão da Ribeira de Canha no termo da vila de Benavente. Benefício que vagou por promoção de Manuel de Sousa Cabral. Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação, em que consta carta-patente recebida do Rei D. Pedro II, para apresentação ao Arcebispo de Évora, D. Luis da Silva, de João Pires Vidal, frei professo da ordem de S. Bento de Avis, para capela curada de S. Brás, anexa à Matriz da vila de Benavente Beneficio que vagou por promoção de Manuel da Ressurreição Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação onde consta carta-patente do Rei D. José, que faz apresentação ao Arcebispo de Évora, D. João Cosme da Cunha, de Bernardo de Lemos, presbítero do hábito de S. Pedro, para futura sucessão da capela curada de S. Brás da Barrosa, do termo da vila de Benavente. Beneficio que vagou por promoção do último possuidor, Inácio da Silva Brito Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação onde consta carta do Conde de Unhão, para apresentação ao Arcebispo de Évora, D. João Cosme da Cunha, Joaquim José Gomes Pombo, freire professo da Ordem de S. Bento de Avis, para capela curada de S. Sebastião, pertencente ao Morgadio da Foz de Benavente. Beneficio que vagou por óbito do último proprietário, Manuel Martins da Costa. Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação onde consta carta-patente do Rei D. João VI, para apresentação ao Arcebispo de Évora, D. Patricio da Silva, de Eugénio António Morato, presbítero do hábito de S. Pedro, para beneficio curado da igreja de matriz de Benavente, pertencente à Ordem de S. Bento de Avis. Beneficio que vagou por promoção do último possuidor, José Damaso de Carvalho. Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação onde constacarta-patente do rei D. José, para apresentação ao Arcebispo de Évora, D. João Cosme da Cunha, de Manuel Faria, freire professo da ordem de S. Bento de Avis, para priorado da igreja matriz da vila de Benavente Beneficio que vagou por óbito do último possuidor, Amaro Coelho da Gama e Casco Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação, onde consta carta de mercê da Rainha D. Maria II , dirigida ao vigário capitular do Arcebispado de Évora, nomeando o presbítero Francisco António Rodrigues, para priorado da igreja de N. Sr.ª da Graça da vila de Benavente Benefício que vagou por óbito do último possuidor, Diogo Cláudio da Silva Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação onde consta carta-patente do Rei D. José, para apresentação ao Arcebispo de Évora, D. João Cosme da Cunha, de João António Gil Velez, frei professo da Ordem de S. Bento de Avis, para beneficio curado da Igreja de St.º Estevão de Ribeira de Canha do termo da vila de Benavente. Beneficio que vagou por promoção de António Vaz de Abreu. Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.
Autos de colação e confirmação em que consta carta dos Condes de Castanheira, para apresentação ao Sr. Arcebispo de Évora, D. Domingos de Gusmão, do Pe. Manuel Fernandes de Lima, para beneficio curado na Capela de S. Sebastião, situada na Quinta da Foz no termo de Benavente. Beneficio que vagou por falecimento do último possuidor, Pe. Francisco Felix Pinto. Neste processo existem também outros documentos inerentes à confirmação desta nomeação.