Type

Data source

Date

Thumbnail

Search results

540 records were found.

Joaquim dos Santos Figueiredo foi um clérigo católico romano que em 1898 aderiu à Igreja Lusitana. Percurso religioso: Em 1922 o Sínodo elege-o bispo da Igreja Lusitana, tornando-se no primeiro bispo não sagrado. Foi um dos presbíteros mais prestigiados da Igreja e presidente do Sínodo, sendo o primeiro bispo não eleito da Igreja Lusitana. Dirigiu o Colégio Lusitano (anexo à igreja de S. Paulo, em Lisboa), onde foi também presbítero. Joaquim dos Santos Figueiredo was a Roman Catholic cleric who in 1898 joined the Lusitanian Church. Religious path: In 1922 the Synod elects him bishop of the Lusitanian Church, becoming the first non-sacred bishop. He was one of the most prestigious elders of the Church and president of the Synod, being the first unelected bishop of the Lusitanian Church. He directed the Colégio Lusitano (attached to the church of S. Paulo, in Lisbon), where he was also an elder.
Fundo composto por um livro de atas da direção da Missão e registos paroquiais.
Francisco Mário Varela da Silva era natural da freguesia da Sé - Porto onde nasceu em 30/11/1916. Profissão: técnico de contas Percurso religioso: - Ordenado diácono em 15/03/1964 - Foi nomeado Ministro auxiliar em 29/09/1989 - Foi ordenado presbítero em 11/10/1990 Exerceu funções na paróquia de S. João Evangelista, Vila Nova de Gaia, e na Missão de S. Tiago Apóstolo, Gondomar.
Nasceu no Porto, freguesia do Bonfim, em 3 de agosto de 1881 e faleceu no Candal, Vila Nova de Gaia, em 29 de agosto de 1958. Era sobrinho-neto do historiador Alexandre Herculano (de Carvalho Araújo), e além de ministro da Igreja Lusitana, notabilizou-se como jornalista e homem de letras. Fez parte do Curso Teológico da Igreja Lusitana que funcionou nas dependências da Igreja do Prado, dirigido pelo reverendo Dr. John Harden, de 1903 a 1907. O reverendo Dr. Harden seria mais tarde bispo de Tuam, na Irlanda. Iniciou a sua carreira como coadjutor do reverendo André Cassels que além da sua igreja do Bom Pastor, no Candal, cujo templo foi inaugurado em 1887. Já a Missão da Madalena teve início em 1905 e manteve-se até 1927, período em que esteve a seu cargo. Em Viseu o reverendo Araújo fundou o jornal "A Voz da Verdade", mas ao fim de dois anos o jornal acabou por imposição da censura. Em 1931, 18 de dezembro, falece o reverendo André Cassels e o reverendo Bonaparte nomeia-o ministro interino do Candal. Só em 10 de novembro de 1935 tomaria o cargo de ministro desta igreja. Em colaboração com o reverendo Belarmino Vieira Barata publicou os Relatórios Coletivos da Igreja Lusitana de 1939, 1940, 1941 e 1943/44. Percurso religioso: - Aderiu em 1900 à Igreja Lusitana - Em 1908 foi ordenado diácono - Em 1911 foi ordenado presbítero He was born in Porto, parish of Bonfim, on August 3, 1881 and died in Candal, Vila Nova de Gaia, on August 29, 1958. He was the great-nephew of the historian Alexandre Herculano (de Carvalho Araújo), and besides minister of Lusitanian Church, became famous as a journalist and man of letters. He was part of the Theological Course of the Lusitanian Church, which operated on the premises of the Prado Church, led by the Reverend Dr. John Harden, from 1903 to 1907. The Reverend Dr. Harden would later be Bishop of Tuam, in Ireland. He began his career as a coadjutor to the reverend André Cassels who, in addition to his church of the Good Shepherd, in Candal, whose temple was opened in 1887. The Madalena Mission started in 1905 and continued until 1927, a period in which he was your job title. In Viseu the Reverend Araújo founded the newspaper "A Voz da Verdade", but after two years the newspaper ended up imposing censorship. In 1931, December 18, Reverend André Cassels passed away and Reverend Bonaparte appoints him as Candal's interim minister. Only on November 10, 1935, would he take up the post of minister of this church. In collaboration with the reverend Belarmino Vieira Barata published the Collective Reports of the Lusitanian Church of 1939, 1940, 1941, and 1943/44. Religious path: In 1900 he joined the Lusitanian Church In 1908 he was ordained a deacon In 1911 he was ordained an elder
Alvará concedido pelo Ministério da Instrução Pública/Inspecção-Geral do Ensino Particular à Escola do Prado para ensino primário de alunos do sexo masculino e feminino, em regime de planos e programas oficiais.
Eduardo Henriques Moreira nasceu em Lisboa em 26-02-1886. Percurso académico e profissional: - Professor no Seminário Evangélico - Foi discípulo do professor Erasmo Braga - Em 1917 foi nomeado pelo Ministro da Guerra, Norton de Matos, capelão evangélico em França, missão que não cumpriu devido à revolução sidonista - Eleito vereador do município de Lisboa em 1920 onde em 1921 se torna vice-presidente do Senado - Secretário do presidente do ministério, coronel António Maria Baptista - Fundador da revista "Triângulo Vermelho" - Representante em Portugal de congressos pedagógicos protestantes (1922, 1924, 1926, 1929, 1932) - Secretário Geral da Associação de Escuteiros de Portugal, até 1922; Comissário dos escuteiros da zona do Porto, até 1926 - Iniciador do "Dia do Gaiato", em 1923 - Como procurador das missões evangélicas visitou, durante o ano 1934, cinquenta estações missionárias em Cabo Verde, Angola e Moçambique. - Colaborou no "Século" e em outros diários de Lisboa e publicações evangélicas - Publicou, entre outras obras, "A crise nacional e a solução protestante" (1910); "O Cortejo dos Heróis Desconhecidos" (1925),... Percurso religioso: - Pastor evangélico, desde 1913 - A 05.10.1947 foi ordenado pelo Arcebispo de Armagh, primaz da Irlanda, presbítero da Igreja Lusitana Eduardo Henriques Moreira was born in Lisbon on February 26, 1886. Academic and professional path: - Professor at the Evangelical Seminary - He was a disciple of Professor Erasmo Braga - In 1917, he was appointed by the Minister of War, Norton de Matos, an evangelical chaplain in France, a mission he did not fulfill due to the Sidonist revolution - Elected councilor of the municipality of Lisbon in 1920, in 1921 he became vice-president of the Senate - Secretary to the ministry president, Colonel António Maria Baptista - Founder of the magazine "Triângulo Vermelho" - Representative in Portugal of Protestant pedagogical congresses (1922, 1924, 1926, 1929, 1932) - General Secretary of the Portuguese Scout Association, until 1922; Commissioner of scouts in the Porto area, until 1926 - The initiator of "Dia do Gaiato", in 1923 - As a prosecutor for evangelical missions, he visited, during the year 1934, fifty mission stations in Cape Verde, Angola, and Mozambique. - Collaborated in "Século" and other Lisbon newspapers and evangelical publications - Published, among other works, "The national crisis and the Protestant solution" (1910); "The Procession of the Unknown Heroes" (1925), ... Religious path: - Evangelical pastor, since 1913 - 10.05.1947 he was ordained by the Archbishop of Armagh, primate of Ireland, presbyter of the Lusitanian Church
Convite da Liga do Esforço Cristão de Gaia para uma sessão comemorativa do XXVI aniversário da sua fundação. O programa consisttia em discrusos, recitativos e canto orfeónico.
Agostinho Arbiol era natural da freguesia de Santa Marinha – Vila Nova de Gaia onde nasceu em 17/03/1903. A 30 de julho de 1925, fez o seu primeiro sermão sobre "O paralítico de Cafarnaum" Percurso religioso: - Instituído Pregador licenciado em 11/01/1928 - Ordenado Diácono em 11/10/1931 - Ordenado Presbítero em 24/09/1933 - Foi coadjutor na igreja S. João Evangelista entre 1931 e 1932 - Ministro da igreja do Redentor a partir de 21/04/1938 Foi colaborador do "Despertar", onde se notificou pelos célebres "sermões de cinco minutos", e foi ainda secretário do Sínodo, no norte, desde dezembro de 1939. Possuía o curso de contabilidade da escola comercial Oliveira Martins e os exames de francês, inglês e português do liceu e de inglês do Instituto Britânico. No campo teológico fez os exames correspondentes aos graus de Evangelista, Diácono e Presbítero. Faleceu a 1 de maio de 1977. Agostinho Arbiol was born in the parish of Santa Marinha - Vila Nova de Gaia where he was born on 03/17/1903. On July 30, 1925, he gave his first sermon on "The paralytic at Capernaum" Religious path: - Preacher instituted licensed on 11/01/1928 - Ordained Deacon on 10/11/1931 - Ordained priest on 9/24/1933 - He was coadjutor in the church S. João Evangelista between 1931 and 1932 - Minister of the Church of the Redeemer from 21/04/1938 He collaborated with "Despertar", where he was notified by the famous "five-minute sermons", and he was also secretary of the Synod, in the north, since December 1939. He had an accounting course at the Oliveira Martins commercial school and the French, English, and Portuguese high school and English exams at the British Institute. In the theological field, he took the exams corresponding to the degrees of Evangelist, Deacon, and Elder. He died on May 1, 1977.
Belarmino José Vieira Barata aderiu à Igreja Lusitana em 1919, tornou-se diácono em 1931 e foi presbítero eleito. Faleceu em 1943. Belarmino José Vieira Barata joined the Lusitanian Church in 1919, became a deacon in 1931, and was an elected elder. He died in 1943.
Áreas geográficas e topónimos: Prado (lugar, Vila Nova de Gaia, Portugal) • Assuntos: Ofício.
Reverendo Cândido Joaquim de Sousa aderiu à Igreja Lusitana em Novembro de 1879, natural do Porto, foi pregador licenciado, em 1880 foi ordenado diácono e depois presbítero.
Estatutos do Grémio Evangélico do Prado onde se extingue a União Cristão da E. P. : nome, se e fins a que se destina; direção e administração; assembleia geral; biblioteca; arquivo e dissolução
José Pereira Ferreira Martins nasceu na freguesia da Vitória da cidade do Porto. Percurso religioso: - Tornou-se pregador licenciado da Igreja Lusitana em 1903, estudante do curso teológico dirigido pelo Dr- John Harden (1903-1905) - Foi ordenado diácono em 1905 - Foi ordenado presbítero em 1910. Durante 5 anos foi ministro da Igreja Lusitana do Espírito Santo, em Setúbal, desde 1907 a 1952. Organizou e paroquiou a Igreja de Cristo Remidor em Alcácer do Sal, e igualmente a Missão dos Mártires da Fé, em Évora. Chegou a ser vereador da Câmara Municipal de Setúbal e procurador da antiga Junta Distrital de Lisboa. Foi um dos mensários dos jornais «A Luz e Verdade» do Porto, o «Bom Pastor» do Candal, e dirigiu desde 1905 a 1910 0 «Arauto Cristão» de Setúbal.
Fotografia do Reverendo José Nunes Chves, ex-presbítero da Igreja Católica, natural de Portimão aderiu à Igreja Lusitana em Novembro de 1879 e foi o fundador da Igreja de Jesus.
Regulamento e Bases do Grémio e grupo musical evangélico da igreja do Prado: - Meios para aingir os fins; membros e suas categorias; deveres, divisa e distintivos; fundos e seu destino; corpo administrativo, seus cargos e deveres;
John Mason Harden nasceu na Irlanda e foi educado no Trinity College, em Dublin. Instalou-se em 1903 em Vila Nova de Gaia, Coimbrões, para reger o curso teológico do qual sairam alguns presbíteros da Igreja Lusitana como o reverendo Armando Pereira de Araújo, o reverendo António Ferreira Fiandor, o reverendo José Maria Leite Bonaparte, o reverendo Júlio Bento da Silva. Foi o primeiro ministro do Prado, em 1905-1907, sucedeu-lhe Leite Bonaparte até 1908. Quando regressou à Irlanda tornou-se Bispo de Tuam, Killala e Achonry entre entre 1927 e 1931.
Estatutos do Grémio Evangélico do Prado: nome, sede e fins a que se destina; direitos e deveres dos sócios (adultos, crianças); direção e administração.
Diogo (James) Cassels nasceu no Porto em 1844, filho de um negociante britânico que vivia em Portugal. A família estabeleceu-se em Gaia, onde o patriarca John Cassels tinha residência e uma estamparia têxtil. Faleceu a 7 de Novembro de 1923. Percurso religiosos: - Aderiu à Igreja Lusitana em 20 de Junho de 1880 - Em 1884 foi ordenado diácono - Em 1892 foi ordenado presbítero Diogo (James) Cassels was born in Porto in 1844, the son of a British businessman who lived in Portugal. The family settled in Gaia, where patriarch John Cassels had a residence and a textile print shop. He died on November 7, 1923. Religious route: He joined the Lusitanian Church on June 20, 1880 In 1884 he was ordained a deacon In 1892 he was ordained an elder
Octávio Guedes Coelho nasceu a 10/11/1910 na Marinha Grande Habilitações literárias: - Licenciado em Teologia Reformada em 06/06/1956 Percurso religioso: - Foi confirmado em 24/03/1963, na paróquia de S. Paulo da Igreja Lusitana - Instituído Diácono em 21/04/1963 - Ordenado Presbítero em 04/08/1963 - Em 1963 tornou-se diácono da paróquia do Bom Pastor - Entre 1963/1967 foi pároco da paróquia do Espírito Santo - Entre 1971-1972 foi pároco da paróquia do Salvador do Mundo - Entre 1967/1974 foi pároco da paróquia do Bom Pastor - Em 1970 foi pároco paróquia de S. João Evangelista - Em 1984 tornou-se cónego da cátedral de S. Paulo, Arcipreste do Norte e Vigário-Geral
Frederic William Flower aderiu à Igreja Lusitana em 1894 como pregador licenciado, em 1901 tornou-se diácono e presbítero em 1910.
Percurso religioso: Júlio Bento da Silva aderiu à Igreja Lusitana em 1902 onde foi aluno do Curso Teológico do Dr. Harden, na Paróquia do Salvador do Mundo. Em 1907 foi instituído diácono, em 1911 foi ordenado presbítero da Congregação da Santíssima Trindade em Rio de Mouro, Sintra. Depois da Igreja de Jesus ser reconstituída como missão, reorganizando-se de novo como paróquia em 1909, então na Rua do Rato, ficou sob a liderança do Rev. Júlio Bento da Silva, que a dirigiu até à sua morte, em 1937.
Atas da direção da Associação dos Antigos Alunos das Escolas do Torne e do Prado.
O fundo da Escola do Torne é constituído pelas seguintes secções: Secção COR: Constituição, organização e regulamentação; Secção – Gestão Escolar; Secção GF: Gestão Financeira; Secção GP: Gestão de Património; Secção RI: Relações Institucionais; Subsecção CE: Conselho Escolar; Secção RH: Recursos Humanos
O fundo da Paróquia do Salvador do Mundo é composto pelas seguintes secções e subfundo: SC JP: Junta Paroquial; SC CUL: Culto; SC GF: Gestão Financeira; Subfundo ECP: Esforço Cristão do Prado
Áreas geográficas e topónimos: Torne (lugar, Vila Nova de Gaia, Portugal) • Assuntos: Esforço Cristão.
Provas de ortografia e ditado dos alunos, do sexo masculino, da Escola do Torne.
Registo dos benfeitores da Escola do Torne iniciado por Diogo Cassels: contém recortes de jornais sobre distribuição de prémios escolares; registos sobre os alunos; registos com os nomes das empresas benfeitoras; relatórios das escolas do Torne e do Prado.
O subfundo Esforço Cristão do Prado está ligado administrativamente à Paróquia do Salvador do Mundo e conta com as seguintes secções: SC COR: Constituição, organização e regulamentação SC FC: Formação cristã SC BEC: Biblioteca do Esforço Cristão SC GF: Gestão Financeira
O Esforçador Juvenil foi uma publicação efémera, com apenas um exemplar manuscrito, que se insere no conjunto das publicações do Esforço Cristão da paróquia do Salvador do Mundo, que culiminariam com a publicação do Esforço Cristão do Prado. Neste exemplar os redatores foram: Joaquim Nunes Duarte, Casimiro Daniel dos Santos, Manuel Fernandes Duarte e José Mega Noronha. Na sua apresentação, informa-se que seria uma publicação para a mocidade, devidamente visada pela direção do Esforço Cristão do Prado. Editorial: - Um servo de Deus; - Aniversários; - Pema canteiro de violetas; - Seara alheia; - Concurso do "Amigo da Infância"; - Notícias do Prado.
Áreas geográficas e topónimos: Igreja de Jesus (Lisboa, Portugal) • Assuntos: Arquivo Fotográfico.
Exemplar do jornal "A Juventude", de Abril de 1945, sob o tema da Páscoa: - Redenção, da autoria de Joaquim Teles Gomes; - Páscoa Florida, da autoria de Arnaldo de Oliveira Pinto; - Sonho, da autoria de Maria Isabel Gomes; - Orando, da autoria de José Manuel Pina Cabral; - Ressureição, da autoria de Maria Rosa Moura; - Felicidade, da autoria de Vitor Manuel Pinheiro.
Exemplar do jornal "A Juventude", de Maio de 1945, sob o tema das mães: - As mães, da autoria de José Manuel Pina Cabral; - Amor insubstituível, da autoria de Maria Rosa Moura; - Mãe, da autoria de Vitor Manuel Pinheiro; - Lutas desiguais, da autoria de Isabel Maria Teles Gomes; - Paz e amor, da autoria de Maria Aurora Raimundo; - Maio, da autoria de Arnaldo de Oliveira Pinto; - Poema Prenda de Anos, da autoria de José Manuel; - À última hora; notas de um passeio.
Exemplar do jornal "A Juventude", de Junho de 1945: - Prosseguindo, da autoria de Maria Rosa Moura; - Os 2 bairros da minha rua José Manuel Pina Cabral; - Arrependimento e perdão, da autoria de Isabel Maria Teles Gomes; - Correspondência do jornal (permutas, agradecimento, representantes); - Um filho achado, da autoria de António Tomás Simões Santos; - Poema "Paz, da autoria de Joaquim Teles Gomes.
Exemplar do jornal "A Juventude", de Agosto de 1945: - Agosto e as crianças, da autoria de José Alberto Lucas; - Descansar, da autoria de Maria Rosa Moura; - Carta da aldeia, da autoria de José Manuel Pina Cabral; - Secção poética; - Quadro de honra; - Datas, número e a Bíblia; - Passatempo.
Áreas geográficas e topónimos: Igreja de Jesus (Lisboa, Portugal) • Assuntos: Arquivo Fotográfico.
Exemplar do jornal "A Juventude", de Setembro de 1945: - Outono, da autoria de Maria Rosa Moura; - Finalmente a paz, da autoria de José Manuel Pina Cabral; - Secção poética; - Um guia verdadeiro, da autoria de Arnaldo de Oliveira Pinto; - Quadro de honra; - Passatempo.
Casa da actual rua da Academia das Ciências onde esteve a a igreja de Jesus, depois que saiu da rua de S. Marçal e antes de ir para a rua da Senhora da Conceição, conforme opinião do irmão senhor Francisco Maria Martins. Contém uma nota: esta informação do senhor Martins não concorda com o que dizem os documentos que dão a igreja como instalada na rua da Horta, 6A, a qual é normal a esta rua, para a esquerda da fotografia, ainda desemboca quase em frente da casa indicada, que é a que tem o automóvel à porta.
Exemplar do jornal "A Juventude", de Novembro de 1945: - Apelo, pelos jovens da "Juventude"; - Despedida, da autoria de Maria Rosa Moura; - Deserto, da autoria de Isabel Maria Teles Fernandes Gomes; - Pobres de espírito, da autoria de Fernando Júlio Santos Silva; - Poema Contraste; - Consolação, da autoria de José Manuel Pina Cabral; - Passatempo.
Áreas geográficas e topónimos: Igreja de Jesus (Lisboa, Portugal) • Assuntos: Arquivo Fotográfico.
Exemplar do jornal "A Juventude", de Dezembro de 1945: - Alívio, da autoria de Isabel Maria Teles Gomes; - Hisória Exemplar, da autoria de José Manuel Pina Cabral; - Poema "Ano que vais", da autoria de Joaquim Teles Gomes; - Certeza, da autoria de Maria Rosa Moura; - Passatempo.
Na quinta Hall em 23 de Junho de 1940.
Exemplar do jornal "A Juventude", de Fevereiro de 1946: - O Exemplo de um Rei, daautoria de Felícia Fiandor Santos; - O Senhor sabe, da autoria de Maria Rosa Moura; - A vida... O mar, da autoria de Joaquim Teles Gomes; - O velho castelo, da autoria de José Alberto Lucas; - Analogias, da autoria de José Manuel Pina Cabral; - Diversos.
Áreas geográficas e topónimos: Igreja de Jesus (Lisboa, Portugal) • Assuntos: Arquivo Fotográfico.
Áreas geográficas e topónimos: Igreja de Jesus (Lisboa, Portugal) • Assuntos: Arquivo Fotográfico.
Áreas geográficas e topónimos: Igreja de Jesus (Lisboa, Portugal) • Assuntos: Arquivo Fotográfico.
Áreas geográficas e topónimos: Igreja de Jesus (Lisboa, Portugal) • Assuntos: Arquivo Fotográfico.
Áreas geográficas e topónimos: Igreja de Jesus (Lisboa, Portugal) • Assuntos: Arquivo Fotográfico.
Reverendo Júlio Bento da Silva, restaurador da Igreja de Jesus. Aderiu à Igreja Lusitana em 1902, foi pregador licenciado, diácono em 1907 e presbítero em 1911.
Reverendo Augusto Ferreira Torres, aderiu em 1884 , foi pregador licenciado, diácono em 1889 e presbítero em 1892.
Fotografias de grupo, grupo folclórico e de edifício.
Fotografia do reverendo Belarmino José Vieira Barata
Áreas geográficas e topónimos: Igreja de Jesus (Lisboa, Portugal) • Assuntos: Arquivo Fotográfico.
Este acervo é composto por diversas publicações da Igreja Lusitana: História da Igreja Lusitana, Jubileu da Igreja Lusitana, Liturgia, Jubileu da Igreja Lusitana, Confirmações, Relatório do jornal "O Cristão Lusitano" e Relatórios gerais da Igreja Lusitana. Ecclesia. Trimestrário interprete do pensamento cristão orgânico. Orgão oficial da Igreja Lusitana, Católica, Apostólica, Evangélica. This collection consists of several publications by the Lusitanian Church: History of the Lusitanian Church, Jubilee of the Lusitanian Church, Liturgy, Jubilee of the Lusitanian Church, Confirmations, Report of the newspaper "O Cristão Lusitano" and General reports of the Lusitanian Church. Ecclesia. Quarterly interpreter of organic Christian thought. Official body of the Lusitanian, Catholic, Apostolic, Evangelical Church.
Exemplar do jornal "A Juventude", de Maio de 1946: - Poema "Às mães", da autoria de Joaquim Teles Fernandes Gomes; - Um conto, da autoria de Daniel de Pina Cabral; - Inconstância, da autoria de Maria Rosa Moura; - Carta berta, da autoria de Arnaldo de Oliveira Pinto; - Songi, contou; - Diversos.
Edifício na rua de S. Marçal existente onde se fundou a Igreja de Jesus
Áreas geográficas e topónimos: Igreja de Jesus (Lisboa, Portugal) • Assuntos: Arquivo Fotográfico.
Exemplar do jornal "A Juventude", de Abril de 1946: - Graças a Deus; - Aos jovens, da autoria de Fernando Santos Silva; - Páscoas Felizes, da autoria de José Manuel Pina Cabral; - Um apontamento sobre o 2º mandamento, da autoria de Carlos Almeida; - Páscoa, da autoria de Maria Rosa Moura; - Diversos.
Exemplar comemorativo de 1946: - Nota da redação, da autoria de Daniel de Pina Cabral; - Supremo anseio, da autoria de Maria Rosa Moura; - Deixai vir a mim, da autoria de Arnaldo Oliveira Pinto; - No dealbar de 1946, da autoria de Fernando Santos Silva; - Rescaldo, da autoria de Vitor Manuel Nunes Pinheiro; - Assim nasceu (caricatura dos fundadores do jornal); - Poema "Á humanidade", da autoria de Isabel Maria Teles Fernandes Gomes; - Ano Velho, da autoria de Maria Aurora Raimundo; - Poema "Á juventude", da autoria de Joaquim Teles Fernandes Gomes; - Correspondência; Passatempo; - Bom-humor de capacho.
Áreas geográficas e topónimos: Igreja de Jesus (Lisboa, Portugal) • Assuntos: Arquivo Fotográfico.
Exemplar do jornal "A Juventude", de Agosto e Setembro de 1946: - A verdade, da autoria de Maria de Lemos; - Viagem sublime, da autoria de Isabel Maria Teles Fernandes Gomes; - Há Fé, da autoria de José Manuel Pina Cabral; - Bébe e a mamã, da autoria de Xerxes, - Luz nas trevas, da autoria de Maria Rosa Moura; - Poema "Sê justo", da autoria de Joaquim Teles Fernandes Gomes; - Reflexão sobre aescolha de um livro, da autoria de Arnaldo de Oliveira Pinto; - Palavras cruzadas.
Exemplar do jornal "A Juventude", de Novembro e Dezembro de 1946: - A Diogo Cassels, benemérito da educação popular; - Natal, da autoria de José Manuel Pina Cabral; - Consoada, da autoria de Maria Rosa Moura; - A propósito da palavra reflexão, da autoria de José Alberto Lucas; - Diversos; - Síntese - Cristianismo Social; - Você ó jovem; - Passatempo.
Áreas geográficas e topónimos: Igreja de Jesus (Lisboa, Portugal) • Assuntos: Arquivo Fotográfico.
Áreas geográficas e topónimos: Igreja de Jesus (Lisboa, Portugal) • Assuntos: Arquivo Fotográfico.
Áreas geográficas e topónimos: Igreja de Jesus (Lisboa, Portugal) • Assuntos: Arquivo Fotográfico.
Áreas geográficas e topónimos: Igreja de Jesus (Lisboa, Portugal) • Assuntos: Arquivo Fotográfico.
Áreas geográficas e topónimos: Igreja de Jesus (Lisboa, Portugal) • Assuntos: Arquivo Fotográfico.
Diploma de mudança de nome da Missão que ocorreu em culto especial celebrado pelo Reverendo Agostinho Arbiol.
A Juventude nº 1 de Janeiro de 1945 composto pelos seguintes artigos: - Ao que vimos, da autoria de Maria Rosa Moura; - Futuro previsto, da autoria de Isabel Maria Gomes; - Origem de Janeiro, da autoria de Maria Odett; - Aos que sofrem, da autoria de Joaquim Teles Gomes; - Ano Novo e Juventude, da autoria de José Manuel Pina Cabral; - Passatempo; - Bom-humor de capacho.
Exemplar do jornal "A Juventude", de Fevereiro de 1945, sob o tema da parábola do Bom Samaritano: - O nosso jardim, da autoria de José Manuel de Pina Cabral; - Perigos, da autoria de Maria Rosa Moura; - Recordando o passado, Joaquim Teles Gomes; - Futuro previsto, da autoria de Isael Maria Gomes; - Passatempo, da autoria de António Tomás Simões dos Santos; - Bom-humor de capacho.
Exemplar do jornal "A Juventude", de Março de 1945, sob o tema da Primavera: - Avé Primavera, da autoria de António Tomás Simões dos Santos; - Jesus te fala, da autoria de Daniel de Pina Cabral; - A pequena Esmeralda, da autoria de José Manuel Pina Cabral; - Um apontamento sobre o 1º mandamento, da autoria de Carlos Almeida; - Notícia do Conjunto Artístico Portuense; - Passatempo.
Discurso de abertura das comemorações do aniversário da paróquia do Salvador do Mundo, proferido pelo reverendo Sérgio Alves.
Discurso de abertura das comemorações dos 115 anos da paróquia do Salvador do MUndo (Prado), pelo presidente da câmara de Vila Nova de Gaia Eduardo Vítor Rodrigues.
Fotografia de António Ferreira Fiandor tirada por Miss Doris Bushby à porta da igreja do Bom Pastor, no domingo, 14 de Junho de 1953, na reunião fraternal da Igreja Lusitana no norte.