Type

Data source

Date

Thumbnail

Search results

36 records were found.

Oriundo de família de «Irmãos de Plimouth» que veio a ingressar na Igreja Presbiteriana, fea a sua profissão de fé naquela confissão, aos dezoito anos, servindo como leigo, entre 1944 e 1949. Nessa data entrou entrou no curso teológico presbiteriano de Carcavelos, tendo terminado o curso em 1955. Foi ordenado ministro presbiteriano no ano seguinte. Após longa evolução no sentido católico, ingressou na Igreja Lusitana em 1960, na qual foi instituído diácono em novembro do mesmo ano, pelo bispo D. António Ferreira Fiandor. Foi ainda ministro auxiliar da paróquia de S. Mateus e interino da do Espírito Santo.
Francisco Venâncio de Oliveira nasceu a 4 de agosto de 1911. Antigo aluno do colégio de ensino primário anexo à igreja de S. Paulo (Lusitano), foi recebido em comunhão e ali preparado pelo reverendo Eduardo Moreira. Instituído diácono em 1954 pelo bispo do Minesota, Rev. Keeler, foi coadjutor em S. Paulo e depois nas paróquias do Espírito Santo e Cristo. Foi ordenado presbítero em Novembro de 1961 pelo bispo D. António Ferreira Fiandor e tornou-se coadjutor das paróquias do Salvador do Mundo e do Bom Pastor, em Vila Nova de Gaia. Para além de todo este labor, a partir de 1961, desempenhou o cargo de tesoureiro diocesano até final de 1985.
César Pereira Félix nasceu em Óbidos a 16 de Abril de 1935. Concluídos os estudos em vários seminários diocesanos foi professor no seminário Diocesano e no liceu Adriano Moreira, na cidade da Praia em Cabo Verde. Foi ordenado presbítero da Igreja Lusitana em 5 de junho de 1977 na catedral de S. Paulo.
Joaquim dos Santos Figueiredo foi um clérigo católico romano que em 1898 aderiu à Igreja Lusitana. Percurso religioso: - Em 1922 o Sínodo elege-o bispo da Igreja Lusitana, tornando-se no primeiro bispo não sagrado. Foi um dos presbíteros mais prestigiados da Igreja e presidente do Sínodo, sendo o primeiro bispo não eleito da Igreja Lusitana. dirigiu o Colégio Lusitano (anexo à igreja de S. Paulo, em Lisboa), onde foi também presbítero.
Stuart Roger Broughton nasceu em 17/05/1936 em Wilmslow – Cheshire, Inglaterra. Foi instituído Leitor em 25/07/1959; Ordenaod diácono em 27/09/1964; Ordenado presbítero em 29/09/1965; Foi coadjutor, em 1967, na igreja de Cristo em Bormley, Inglaterra; Entre 1967 e 1979 pertenceu à Sociedade Missionária na América Latina; Entre 1968 e 1970 foi missionário no Paraguai; Entre 1970 e 1978 foi missionário no Brasil; Entre 1979 e 1983 foi Vigário de Santa Maria, Stoke, Inglaterra; A partir de 1986 tornou-se pároco na igreja de Cristo Remidor, em Alcácer do Sal.
José Maria Leite Bonaparte aderiu à Igreja Lusitana em 1902. Ordenado diácono em 1907; Ordenado presbítero em 1911; Foi pároco na paróquia do Salvador do Mundo entre 1907-1908; Foi o primeiro pároco da igreja de Cristo em Oliveira do Douro.
Francisco Mário Varela da Silva era natural da freguesia da Sé - Porto onde nasceu em 30/11/1916. Profissão: técnico de contas Percurso religioso: - Ordenado diácono em 15/03/1964 - Foi nomeado Ministro auxiliar em 29/09/1989 - Foi ordenado presbítero em 11/10/1990 Exerceu funções na paróquia de S. João Evangelista, Vila Nova de Gaia, e na Missão de S. Tiago Apóstolo, Gondomar.
Samuel Lopes Apura nasceu a 04/04/1945. Instituído leitor em 1985, ordenado Diácono em 1986, presbítero em 04/11/1989. Foi responsável pelo serviço de pessoal de uma empresa de vinho do Porto e exerceu o cargo de secretário do Sínodo e da Comissão Permanente. Foi educado e criado pelos então porteiros da paróquia de S. João Evangelista, facto que determinou uma ligação intensa à igreja. Frequentou a Escola do Torne até à 3ª classe, altura que por decisão do governo de Salazar ela foi encerrada. Teve uma ação preponderante na paróquia do Bom Pastor (Candal).
Eduardo Henriques Moreira nasceu em Lisboa em 26-02-1886. Percurso académico e profissional: - Professor no Seminário Evangélico - Foi discípulo do professor Erasmo Braga - Em 1917 foi nomeado pelo Ministro da Guerra, Norton de Matos, capelão evangélico em França, missão que não cumpriu devido à revolução sidonista - Eleito vereador do município de Lisboa em 1920 onde em 1921 se torna vice-presidente do Senado - Secretário do presidente do ministério, coronel António Maria Baptista - Fundador da revista "Triângulo Vermelho" - Representante em Portugal de congressos pedagógicos protestantes (1922, 1924, 1926, 1929, 1932) - Secretário Geral da Associação de Escuteiros de Portugal, até 1922; Comissário dos escuteiros da zona do Porto, até 1926 - Iniciador do "Dia do Gaiato", em 1923 - Como procurador das missões evangélicas visitou, durante o ano 1934, cinquenta estações missionárias em Cabo Verde, Angola e Moçambique. - Colaborou no "Século" e em outros diários de Lisboa e publicações evangélicas - Publicou, entre outras obras, "A crise nacional e a solução protestante" (1910); "O Cortejo dos Heróis Desconhecidos" (1925),... Percurso religioso: - Pastor evangélico, desde 1913 - A 05.10.1947 foi ordenado pelo Arcebispo de Armagh, primaz da Irlanda, presbítero da Igreja Lusitana
Agostinho Arbiol era natural da freguesia de Santa Marinha – Vila Nova de Gaia onde nasceu em 17/03/1903. A 30 de julho de 1925, fez o seu primeiro sermão sobre "O paralítico de Cafarnaum" Percurso religioso: - Instituído Pregador licenciado em 11/01/1928 - Ordenado Diácono em 11/10/1931 - Ordenado Presbítero em 24/09/1933 - Foi coadjutor na igreja S. João Evangelista entre 1931 e 1932 - Ministro da igreja do Redentor a partir de 21/04/1938 Foi colaborador do "Despertar", onde se notificou pelos célebres "sermões de cinco minutos", e foi ainda secretário do Sínodo, no norte, desde dezembro de 1939. Possuía o curso de contabilidade da escola comercial Oliveira Martins e os exames de francês, inglês e português do liceu e de inglês do Instituto Britânico. No campo teológico fez os exames correspondentes aos graus de Evangelista, Diácono e Presbítero. Faleceu a 1 de maio de 1977.
Belarmino José Vieira Barata aderiu à Igreja Lusitana em 1919, tornou-se diácono em 1931 e foi presbítero eleito. Faleceu em 1943.
Jaime Amadeu Lopes Ribeiro Dias nasceu em Ramalde, Porto, em 01/01/1963. Licenciatura em engenharia eletrónica Confirmado a 07/06/1981 na igreja de S. João Evangelista; Instituído leitor em 27/01/1985.
Daniel Pereira de Pina Cabral foi ordenado em 1949 e, entre 1967 e 1976, foi bispo da diocese dos Libombos em Moçambique.
Telmo Fernando Almeida e Silva nasceu em Miragaia a 17/06/1942 Profissão: bancário Percurso religioso: - Instituído leitor em 15/10/1989 - Ordenado diácono em 06/06/1992 - Ordenado presbítero em 17/06/1995 Foi pároco da Paróquia do Salvador do Mundo, Vila Nova de Gaia
Fernando Almeida dos Santos nasceu em 19/09/1974 em França. Foi batizado a 10 de agosto de 1975 e confirmado a 18 de maio de 1992. Concluiu o 12º ano em 1995, no mesmo ano viveu um período de discernimento vocacional na comunidade ecuménica de Taizé, estagiou durante 6 meses na comunidade de L'Arche, onde partilhou a sua vida com outros estagiários de diferentes confissões religiosas no serviço dos irmãos com deficiências mentais. Entre 1996 e 2000 frequentou o curso superior de Teologia no Instituto Superior de Teologia de Évora. Após um período de deserto espiritual, reencontrou-se na paróquia Lusitana da Sagrada Família. Percurso religioso: - Recebido oficialmente na Igreja Lusitana em 2004 - Instítuido Leitor a 16/04/2005 - Ordenado diácono em 22/07/2006 - Ordenado presbítero em 21/06/2008 Atualmente é coadjutor da Paróquia da Sagrada Família e responsável pela Missão da Santíssima Trindade, em Lisboa
José Pereira Ferreira Martins nasceu na freguesia da Vitória da cidade do Porto. Percurso religioso: - Tornou-se pregador licenciado da Igreja Lusitana em 1903, estudante do curso teológico dirigido pelo Dr- John Harden (1903-1905) - Foi ordenado diácono em 1905 - Foi ordenado presbítero em 1910. Durante 5 anos foi ministro da Igreja Lusitana do Espírito Santo, em Setúbal, desde 1907 a 1952. Organizou e paroquiou a Igreja de Cristo Remidor em Alcácer do Sal, e igualmente a Missão dos Mártires da Fé, em Évora. Chegou a ser vereador da Câmara Municipal de Setúbal e procurador da antiga Junta Distrital de Lisboa. Foi um dos mensários dos jornais «A Luz e Verdade» do Porto, o «Bom Pastor» do Candal, e dirigiu desde 1905 a 1910 0 «Arauto Cristão» de Setúbal.
John Mason Harden nasceu na Irlanda e foi educado no Trinity College, em Dublin. Instalou-se em 1903 em Vila Nova de Gaia, Coimbrões, para reger o curso teológico do qual sairam alguns presbíteros da Igreja Lusitana como o reverendo Armando Pereira de Araújo, o reverendo António Ferreira Fiandor, o reverendo José Maria Leite Bonaparte, o reverendo Júlio Bento da Silva. Foi o primeiro ministro do Prado, em 1905-1907, sucedeu-lhe Leite Bonaparte até 1908. Quando regressou à Irlanda tornou-se Bispo de Tuam, Killala e Achonry entre entre 1927 e 1931.
Sérgio Filipe de Pinho Alves nasceu a 11/12/1978 em Vila Nova de Gaia. Habilitações literárias: - Licenciado em Ciências Religiosas - Mestre em gestão e prevenção de acidentes de trabalho - Frequência do curso de Direito e Ciências do Trabalho Percurso religioso: - Em 2010 foi instítuido Leitor - Em 2012 foi ordenado diácono - Em 2014 foi ordenado presbítero Atualmente é pároco da paróquia do Salvador do Mundo (Prado) e da paróquia do Bom Pastor (Candal).
Diogo (James) Cassels nasceu no Porto em 1844, filho de um negociante britânico que vivia em Portugal. A família estabeleceu-se em Gaia, onde o patriarca John Cassels tinha residência e uma estamparia têxtil. Faleceu a 7 de Novembro de 1923. Percurso religiosos: - Aderiu à Igreja Lusitana em 20 de Junho de 1880 - Em 1884 foi ordenado diácono - Em 1892 foi ordenado presbítero
José Nunes Chaves (1828-1893) era um ex-padre católico que abjurara em 1876 e ex-capelão da igreja da colónia italiana do Loreto. Nesse mesmo ano funda a Missão Episcopal, na Rua de S. Marçal, em Lisboa. Foi também o fundador em 1877 da Igreja de Jesus, em Lisboa. Em 1889 deixa a Igreja Lusitana e ingressa na Presbiteriana. Joaquim dos Santos Figueiredo, ex-sacerdote católico, tornou-se pastor da igreja presbiteriana de Lisboa, substituindo o Rev. José Nunes Chaves.
João Joaquim da Costa e Almeida aderiu à Igreja Lusitana em Novembro de 1879, abjurara a Igreja Católica Romana em 1870 onde era presbítero e foi o fundador e ministro da Congregação da Santíssima Trindade. Faleceu a 4 de Novembro de 1897.
Maria Isabel Reis Almeida e Silva nasceu em 21/04/1950. Profissão: técnica de contas Instituída leitora 06/06/1992 Ordenada diácona em 01/11/1997
Cândido Joaquim de Sousa nasceu no Porto, em Março de 1855. Conheceu o Evangelho na Igreja Metodista e foi professor numa das escolas desta comunhão. Em 1877 veio do Porto para Lisboa e, ao mesmo tempo que exercia o lugar de professor do Colégio Evangélico Lusitano, recebia lições de teologia do reverendo Thomas Godfrey Pope. Foi ordenado em 1880, sendo colocado na Igreja Lusitana de S. Paulo com oseu presbítero. Mais tarde foi nomeado ministro da igreja de S. Pedro, no Largo das Taipas. Quando faleceu o cónego Pope em 1902, o Sínodo Diocesano elegeu-o seu Presidente. Dirigiu o jornal "O Evangelista", órgão da Igreja Lusitana. Faleceu em 1905.
Carol Palmer Blanchard nasceu em 07/01/1936 em Louisville, Kentuchy, USA. Tem o diploma de Bachelor em História pelo Carleton College. Instituída leitora em 16/06/1996; Missão Lusa - Leitora da paróquia do Espírito Santo, Setúbal.
Josué Ferreira de Sousa foi instituído leitor em 1899 e ordenado diácono no mesmo ano. Em 1895 foi ordenado presbítero.
António Pinto Ribeiro Júnior foi instituído pregador liceniado em 1927, ordenado diácono em 1933 e presbítero em 1935. Estudou no Curso Teológico de Madrid.
Nasceu em Vila Franca de Xira em 1908. Em 1932 após estudos em Lisboa, licenciou-se em Medicina. No ano de 1948 ingressa na Igreja Lusitana como pregador licenciado, é instituído diácono na Catedral de S. Paulo, pelo Arcebispo de Armagh em 1949 e a 8 de Outubro de 1950 é ordenado presbítero. Foi Bispo da Igreja Lusitana entre 1962 e 1981.
Ilma Oliveira Rios nasceu em 1970 – Baía Brasil Habilitações literárias: Licenciada Educação Religiosa – Seminário Presbiteriano do Norte – Recife - Licenciada em Psicanálise Clínica – Escola Free Mind de Brasília - Graduada em Teologia Pastoral Anglicana Percurso religioso: - A partir de 2002 integra a Igreja Episcopal Anglicana do Brasil - Coordenou a pastoral infantil da catedral anglicana da Santíssima Trindade entre 2002-2005 - Em 2005 foi ordenada ministra pastoral pelo bispo dom Filadelfo Oliveira - Em 2016 foi ordenada pela Igreja Lusitana
Fernando da Luz Soares foi baptizado e confirmado na paróquia de S. João Evangelista em 1957. Em 1971 é ordenado diácono pelo Bispo D. Luís Pereira. No ano seguinte, no Salvador do Mundo (Prado-Vila Nova de Gaia), é ordenado presbítero e é designado pároco da mesma congregação, funções que exercerá até 1987. Eleito bispo pelo Sínodo em 16 de Junho de 1979, a sua sagração ocorre a 1 de Maio do ano seguinte. Foi bispo até o ano 2003 e atualmente é Bispo Emérito da Igreja Lusitana.
Augusto Nogueira nasceu em Sebolido, Castelo de Paiva, a 10 de Junho de 1871. Foi professor da Escola do Prado, desde 1913, onde se instalou com a esposa Albertina Lopes de Almeida, onde foi responsável pelas classes femininas. Faleceu em 1966. Percurso religioso: - Aderiu à Igreja Lusitana em 1898 - Em 1922 foi ordenado diácono - Em 1924 foi ordenado presbítero
Octávio Guedes Coelho nasceu a 10/11/1910 na Marinha Grande Habilitações literárias: - Licenciado em Teologia Reformada em 06/06/1956 Percurso religioso: - Foi confirmado em 24/03/1963, na paróquia de S. Paulo da Igreja Lusitana - Instituído Diácono em 21/04/1963 - Ordenado Presbítero em 04/08/1963 - Em 1963 tornou-se diácono da paróquia do Bom Pastor - Entre 1963/1967 foi pároco da paróquia do Espírito Santo - Entre 1971-1972 foi pároco da paróquia do Salvador do Mundo - Entre 1967/1974 foi pároco da paróquia do Bom Pastor - Em 1970 foi pároco paróquia de S. João Evangelista - Em 1984 tornou-se cónego da cátedral de S. Paulo, Arcipreste do Norte e Vigário-Geral
Frederic William Flower aderiu à Igreja Lusitana em 1894 como pregador licenciado, em 1901 tornou-se diácono e presbítero em 1910.
José Jorge de Pina Cabral nasceu no Porto, freguesia da Sé, em 22/05/1966. Habilitações literárias: - Licenciatura em Educação Física Faculdade de Ciências do Desporto e de Educação Física da Universidade do Porto, em 1989 - Licenciatura em Ciências Religiosas pela Universidade Católica do Porto Percurso religioso: - Foi instituído leitor da Igreja Lusitana em 15/03/1992 - Foi ordenado diácono em 14/10/1995 - Foi ordenado presbítero em 01/11/1997 - Em 2007 foi nomeado Vigário-Geral da Igreja Lusitana É atualmente pároco da paróquia de S. João Evangelista e desde 25 de Abril de 2013, Bispo da Igreja Lusitana Católica Apostólica Evangélica. Exerceu funções de Diretor Executivo da Associação das Escolas do Torne e do Prado - Instituição Particular de Solidariedade Social.
Percurso religioso: Júlio Bento da Silva aderiu à Igreja Lusitana em 1902 onde foi aluno do Curso Teológico do Dr. Harden, na Paróquia do Salvador do Mundo. Em 1907 foi instituído diácono, em 1911 foi ordenado presbítero da Congregação da Santíssima Trindade em Rio de Mouro, Sintra. Depois da Igreja de Jesus ser reconstituída como missão, reorganizando-se de novo como paróquia em 1909, então na Rua do Rato, ficou sob a liderança do Rev. Júlio Bento da Silva, que a dirigiu até à sua morte, em 1937.
Augusto Ferreira Torres nasceu em Lisboa em 1863. Aos 10 anos era um dos assíduos ouvintes na Congregação, de que era pastor o bispo D. Angel Herreros de Mora. Recebeu lições bíblicas e de Hermenêutica Sagrada, não só do reverendo Mora, mas também do reverendo José Nunes Chaves. Em 1881 pregou o seu primeiro sermão na Igreja Lusitana de S. Paulo, da qual era ministro o reverendo Cândido Joaquim de Sousa. Foi instituído diácono em 1889 e seria ordenado presbítero em 1892. Também foi professor do Colégio Evangélico Lusitano de S. Paulo, ajudava o reverendo Cândido como evangelista e recebeu as ordens de presbítero em 1892. Quando o reverendo Cândido Sousa foi pastorear a Igreja Evangélica de S. Pedro, o Sínodo nomeou o reverendo Torres ministro da Igreja Lusitana de S. Paulo. Colaborou no jornal "A Reforma" e foi redator do jornal "O Evangelista", sendo os seus artigos muitos apreciados. Faleceu no ano de 1898.